Como a umectação capilar pode turbinar a saúde dos seus fios

Especialistas explicam à CH o que é, seus benefícios e mais dicas para fazer em casa.

Por Adrieny Magalhães Atualizado em 2 abr 2022, 12h20 - Publicado em 2 abr 2022, 10h00

Para realizar um bom tratamento e manter a saúde dos nossos fios, podemos contar com técnicas simples que podem ser feitas em casa e implementadas em nossa rotina. É tudo o que precisamos na correria do dia a dia, não é mesmo?

A umectação capilar é uma dessas técnicas que você consegue fazer mesmo quando não tem muito tempo para cuidar do cabelo. A fim de te explicar melhor sobre a umectação realizada com óleos capilares, conversamos com profissionais da área que nos explicam o assunto com mais profundidade. Vem com a gente!

O que é a umectação capilar?

De acordo com o hair stylist Rodolfo Iglesias, a umectação capilar realizada com óleos nada mais é do que a devolução dos nutrientes necessários para o o nosso cabelo. Legal, né?

Ela tem como principal objetivo devolver e reparar a oleosidade necessária para a saúde dos nossos fios, que vai se perdendo ao decorrer do tempo, especialmente quando utilizamos fontes de calor e química.

Benefícios da umectação

“A umectação capilar ajuda a preencher as fissuras do cabelo e a reparar a perda de queratina e massa dos fios. Dando, assim, emoliência capilar para evitar quebras e aumento de porosidade do cabelo”, explica o profissional.

Conversamos também com a Dra. Luiza Archer, médica referência em dermatologia natural que apontou como os principais benefícios da umectação a manutenção da hidratação da fibra capilar e a redução do frizz e da opacidade do cabelo.

Ou seja, a umectação é perfeita para ajudar quem sofre com ressecamento e porosidade dos fios. Fazendo o tratamento da forma correta, você vai usufruir de benefícios como a maleabilidade, flexibilidade e alinhamento dos fios para ter um cabelo com ainda mais movimento e brilho. Que tal?

GIF de uma cena da personagem Fabiola na série Eu Nunca. Ela usa uma camiseta preta, casaco cinza e cabelo solto. Ela olha para cima, sorri e faz
Fabiola da série Eu Nunca GIPHY/Reprodução

Como fazer em casa?

Para realizar a umectação com óleos capilares em sua casa da melhor forma possível, Rodolfo Iglesias explicou o passo a passo do sucesso. Olha só!

“Você deve aplicar o óleo capilar escolhido apenas do comprimento para as pontas, nunca na raiz. Além disso, aplique o produto de forma generosa”, aconselha. “O seu aplicador será a sua mão, então você pode dividir o cabelo em duas ou três partes e aplicar o agente escolhido. Depois, envolva todos os fios em suas mãos e massageie-os bem”, completa.

Qual óleo utilizar?

Rodolfo costuma indicar para suas clientes óleos que sejam de linhas profissionais que servem especificamente para o tratamento dos fios. “Esses óleos costumam funcionar melhor, pois são refinados o suficiente para penetrar nas cutículas do cabelo. O de coco, por exemplo, não serve para o cabelo, porque não é refinado e não penetra nos fios.”

Gif da Zendaya arrumando o cabelo com as duas mãos
Zendaya Gif/Reprodução

É importante que você tenha em mente que não é qualquer óleo reparador que serve para umectar o cabelo. Além dos profissionais próprios para realizar a técnica, os óleos vegetais são os mais indicados. Para quem ainda não quer fazer um investimento em produtos profissionais, aqui estão alguns óleos que a CH e a Dra. Luiza Archer indicamos para o seu tratamento:

Continua após a publicidade

  • Óleo de abacate;
  • Óleo de uva;
  • Óleo de amêndoas;
  • Óleo de linhaça;
  • Óleo de macadâmia;
  • Óleo de argan;
  • Óleo de oliva.

Quanto tempo deixar o óleo no cabelo?

A recomendação do profissional é que você realize a umectação noturna – que a é mais fácil e viável, principalmente para meninas que têm uma rotina mais corrida. O processo pode ser realizado após o seu banho noturno, mas o óleo pode ser aplicado também em seu cabelo sem lavar. Após passar a noite, basta lavar o seu cabelo normalmente ao acordar.

Uma dica de ouro é que você faça um coque alto ou utilize uma touca de cetim para evitar que o óleo entre em contato direto com o travesseiro. Anota aí!

Com qual frequência posso fazer a umectação capilar?

“O grande segredo da umectação capilar está na frequência, não adianta fazer uma vez e parar. Eu indico que as meninas façam a umectação de uma a duas vezes por semana”, conta Rodolfo.

Ele também destaca que a umectação não substitui a utilização do uso de uma máscara de tratamento de nutrição após a retirada do óleo. Essa dica é importante para você que realiza o cronograma capilar!

“Vale lembrar que a hidratação capilar com uso de máscaras de nutrição também pode ser necessária de forma complementar à umectação com os óleos vegetais”, adiciona a Dra. Luiza Archer.

Cher, personagem do filme As Patricinhas de Beverly Hills, está em frente ao espelho com uma das mãos mexendo no cabelo. Na outra, ela segura uma escova de cabelo, enquanto faz carão e se admira no espelho.

Para quem é indicado?

Ainda de acordo com a Dra. Luiza Archer, não existem contraindicações para a realização da umectação capilar. Todos os tipos de cabelo podem usufruir dos benefícios desse tratamento!

Rodolfo também tira uma das grandes dúvidas das meninas que têm cabelo oleoso. “O cabelo oleoso é sempre oleoso na raiz e nunca nas pontas, então a pessoa com esse tipo de cabelo pode fazer a umectação com frequência, lembrando de passar o óleo somente nas pontas.” O hair stylist ressalta a escolha de boas marcas e explica que dificilmente as pessoas têm alergia de contato com os óleos, principalmente por serem de origem natural.

Como retirar corretamente o óleo do cabelo?

“Os óleos de marcas profissionais, por serem mais refinados, saem fácil porque têm rápida absorção. Então, no banho, passe o shampoo somente na raiz e lave o comprimento apenas com a espuma que escorrer”, diz Rodolfo.

“Já se você usou um produto de umectação muito grosso, indico que você passe um condicionar onde foi aplicado o óleo antes, desembarace o cabelo e, depois, entre com o shampoo. Nunca utilize um shampoo antirresíduos, pois com ele a cutícula do seu cabelo fica ainda mais aberta”, complementa o especialista.

Gif da Emma Stone no banho lavando o cabelo, cantando e segurando o cabelo no alto com as duas mãos.
Emma Stone lavando o cabelo Giphy/Reprodução

Extra: umectação diária

Para finalizar, Rodolfo Iglesias nos recomendou a umectação diária, dica extra que vai ser muito útil na sua rotina de cuidados com o cabelo. Ufa!

Ele explica que um dos maiores inimigos do nosso cabelo é o vento – que tem oxigênio e, desse modo, oxida rápido qualquer tratamento feito nos fios. Por isso, a umectação noturna acaba sendo mais eficiente, porque você não deixa o seu cabelo exposto ao vento.

Para evitar a oxidação no dia a dia, a umectação diária é perfeita! Ela consiste na aplicação de apenas uma gota de óleo capilar nas pontas do cabelo de duas a três vezes ao dia. Que tal aderir à essa técnica também?

Quem colaborou com a matéria: Rodolfo Iglesias, hair stylist; Dra. Luiza Archer, médica e referência em dermatologia natural

Continua após a publicidade

Publicidade