Produtora é demitida ao defender Maisa em treta com Dudu Camargo

Segundo colunista, a produtora tinha tentado tirar Maisa da situação de constrangimento :(

Por Bruna Nobrega Atualizado em 5 jul 2017, 11h53 - Publicado em 5 jul 2017, 11h46

O programa gravado por Maisa e Dudu Camargo para o Silvio Santos continua rendendo confusões. Tudo começou na semana passada quando o dono do SBT decidiu organizar um reencontro entre Maisa e o apresentador do jornal Primeiro Impacto.

Durante a gravação, entretanto, as provocações à atriz foram tantas que ela não aguentou e saiu antes do término. Como consequência, seus pais entraram com uma petição para que o programa não fosse ao ar.

View this post on Instagram

@maisa lindonaaaa! Feliz aniversário! O que dizer de vc? Sempre educada, doce, inteligente, dedicada, divertida e humilde! Que Deus abençoe a sua vida! Que Ele te dê tudo aquilo q deseja o seu coração! Lov u! 🎂🎁🎊🎉💐💋❤️ #15Anos

A post shared by Raquel Prado (@kelprado7) on

Nesta quarta-feira (05), porém, mais um capítulo foi adicionado a essa história. Segundo o colunista Flávio Ricco, do UOL, a produtora Raquel Prado foi demitida por causa da confusão.

Continua após a publicidade

De acordo com ele, a produtora, ao perceber que Maisa não estava suportando toda aquela situação, tentou tirá-la dali. A consequência veio na terça-feira (04) quando Raquel foi demitida, com direito a discussão e Patrícia Abravanel, filha de Silvio, apontando dedo na sua cara. Detalhe: Raquel trabalhava no SBT há 28 anos.

A produtora não se pronunciou, mas já tinha dado indícios da situação ao postar uma foto em seu Instagram com a frase: “Acredite, tenha fé, confie. Deus não decepciona!”.

View this post on Instagram

Ele continua sendo bom! Ele continua sendo Deus! 🙌🏻🙏🏻❤️

A post shared by Raquel Prado (@kelprado7) on

Que situação triste, né?

  • Continua após a publicidade
    Publicidade