Manual do candidato: tire suas últimas dúvidas sobre o Enem 2017

O que é proibido levar no dia da prova? Que horas fecha o portão? Como otimizar o tempo? Descubra!

O primeiro dia de prova do do Enem 2017 acontece em uma semana, no próximo domingo, 5, com os cadernos de Ciências Humanas, Linguagens e a Redação. Nesses últimos dias que antecedem o exame, é normal que a ansiedade comece a ficar mais forte, principalmente para quem já está terminando o ensino médio e pretende começar uma faculdade no próximo ano. Mas, fique tranquila! Para esclarecer as últimas dúvidas gerais, a CAPRICHO conversou com o professor Eduardo Valladares, Gerente Pedagógico do Descomplica, e reuniu alguns tópicos que você deve ficar atenta durante o período de avaliação.

 (iStock/Reprodução)

1. O que eu devo fazer na semana que antecede o Enem?
Nessa reta final, é muito importante manter uma boa dose de controle emocional. O professor Eduardo Valladares recomenda misturar relaxamento com um treinamento intenso, que não deve ser confundido com uma maratona pesada de estudos. “É o momento do ‘pente fino’. O que cai sempre em física? Em química? É bom procurar resolução das provas anteriores e dar uma resumida nesses assuntos“, opina. Se você não sabe onde encontrar as provas dos últimos anos, tem uma página no Descomplica com todas as questões resolvidas dos últimos oito anos de Exame Nacional do Ensino Médio. E você nem precisa ser assinante para ter acesso! Vale lembrar que o recomendado é fazer exercícios focados e, dependendo do que você sentir mais dificuldade, relembrar um pouco da matéria. Nada de querer estudar conteúdo do ano inteiro em apenas uma semana, por favor!

2. Quanto tempo devo demorar em cada questão?
O tempo médio para cada questão múltipla escolha é de três minutos. “Algumas questões com interpretação de texto levam menos tempo que isso, outras com cálculo exigem mais”, Valladares comenta. Se você acabar ficando muito tempo preso em uma pergunta, estará se dedicando demais a um conteúdo e, ao mesmo tempo, desvalorizando os outros. Ou seja, uma dica importante é conhecer o TRI (Teoria de Resposta ao Item), que é o critério de avaliação das questões objetivas do Enem. Basicamente, é um cálculo de pontos que divide as questões em níveis (fácil, médio e difícil) e, a partir disso, mede o seu desempenho geral na prova. Com base nesse critério, o professor recomenda: “é melhor fazer as questões fáceis e médias primeiro, depois se preocupar com as difíceis, que só vão valer mais se você tiver acertado as inferiores“. Logo, se você errar os conteúdos classificados em fácil e médio, mas acertar o difícil, o cálculo vai considerar que você chutou.

3. E na redação, quanto tempo posso demorar?
O professor acredita que o tempo estimado para a redação é de 1h a 1h10. Na primeira meia hora, você coleta todas as informações e tem a famosa “chuva de ideias”. É a etapa do planejamento: o que você pretende sustentar nesse texto? Depois que isso estiver concluído, você tem mais meia hora pra escrever o texto e ainda separa uns dez minutos para revisar. Lembrando que a prova do primeiro domingo tem duração total de 5h30.

4. O que pode zerar a redação?
Embora a Justiça tenha suspendido a determinação que zerava as redações que violavam os Direitos Humanos, o professor Valladares defende que não se deve ser agressivo, ofender ou incitar torturas e mortes no texto. Fugir do tema e escrever em primeira pessoa também fazem zerar. Afinal, o texto é uma dissertação argumentativa. Se liga!

Quer saber mais sobre o lance dos direitos humanos na redação? Tem tudo aqui no site da CAPRICHO!

Quer saber mais sobre o lance dos direitos humanos na redação? Tem tudo aqui no site da CAPRICHO! (Reprodução/Reprodução)

5. Como eu posso estruturar minha redação?
Para começar, você precisa saber a sua tese. Ou seja, o que você pretende defender no texto. Abre a dissertação contextualizando a proposta, dizendo o que acha dela. Aí vá para o desenvolvimento, onde você diz os porquês, as causas, as consequências, de onde vem sua opinião e como você a sustenta. “Em seguida, a conclusão é o momento em que você vai propor como o problema vai ser resolvido. Você acha que o governo deve agir de alguma forma? A mídia? A sociedade?“, explica o professor. 

6. O que eu posso levar para comer?
Muita gente se preocupa em escolher o alimento certo para levar no dia da prova, mas a principal dica é: doces! “Estudiosos dizem que carboidratos costumam dar um ‘up’, então é muito importante levar algo para suprir as energias”, dá a dica. Afinal, são 5h30 de prova, né? Pode apostar em um chocolate, um biscoito ou uma barrinha de cereal. Nada que dê muito trabalho ou te faça perder muito tempo. Ah! E nada de comer uma feijoada no almoço ou um pratão muito pesado. 

7. O que eu devo levar no dia?
Nada de lápis, borracha ou estojo! Somente caneta esferográfica de tinta preta em material transparente. E não esqueça de levar seu documento de identidade e o cartão de inscrição. Ele não é obrigatório, mas seus dados estão todos nele. Então, vale a pena!

8. O que eu faço durante a semana antes do segundo domingo de prova?
Pela primeira vez, o Enem será realizado em dois domingos. A mudança será muito boa para quem se cansava em dois dias consecutivos, mas a dúvida é: o que fazer na semana de intervalo entre as provas? Segundo o professor Valladares, é importante manter o ritmo do treinamento e descanso, se concentrando nas questões que efetivamente caem nos cadernos da semana correspondente. “É bom evitar mexer nas redes sociais e não ficar comentando com os colegas, porque isso só chama ansiedade“, complementa. Em relação ao tema da redação e sobre as questões de atualidade, o professor Eduardo Valladares prefere não fazer apostas. “Mas acredito em assuntos que estão recorrentes, como o bullying nas escolas, obesidade com alimentação irregular, a saúde mental dos jovens, incluindo problemas de ansiedade, depressão, suicídio e transtorno de comportamento“, reflete.

Agora, é só seguir as dicas nessa etapa final de estudos e dar o seu melhor. Tem mais alguma dúvida? Confira nossa maratona de matérias no site ou deixe aqui nos comentários. Boa sorte!

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s