Joey King revela experiência ~sinistra~ em filme: “Pensei que seria morta”

A atriz atuou em um filme de terror quando era mais nova e passou por uma situação aterrorizante - e até sobrenatural - nos sets de filmagem

Por Amábile Reis Atualizado em 16 ago 2020, 14h06 - Publicado em 14 ago 2020, 09h35

Joey King é uma atriz bem versátil! Além de o sucesso A Barraca do Beijo, ela já atuou em diversos longas e séries incríveis. Um desses títulos sensacionais é o aterrorizante Invocação Do Mal. Joey tinha apenas 12 anos quando participou do longa e, em recente entrevista para Howard Stern, revelou ter vivido uma experiência ~sinistra/aterrorizante/assustadora~ nos sets de gravação. “Essa história é muito esquisita e é a raiz pela qual eu tenho tanto medo desse filme”, explicou.

  • Na trama, a mãe de King é possuída por uma entidade do mal e apresenta várias manchas roxas pelo corpo. “Durante a filmagem dessas cenas específicas, comecei a ter muitos hematomas aparecendo em meu corpo em lugares bizarros – na minha barriga, no meu peito. Tipo: quê??”, relatou.

    A artista comentou que, por ser muito novinha, todos supunham que aquilo seria apenas uma brincadeira dela. Segundo a atriz, as maquiadoras chegaram a até passar álcool nos machucados por acreditarem que eram fakes. Obviamente, a tática não deu certo.

    Por isso, Joey foi levada ao médico e aí descobriu sofrer de uma doença no sangue. “Fiz alguns exames de sangue e eles disseram que poderiam ser sinais de leucemia. Eu estava muito assustada. Aliás, eu tinha 12 anos… Então, fiz todos os testes e, de repente, soube que tinha uma condição de afinamento no sangue chamada ITP [Trombocitopenia Primária Imune], em que todas as minhas plaquetas praticamente foram drenadas do meu corpo misteriosamente”, explicou.

    Ela, então, começou a ir ao hospital todos os dias para tratar o problema. Acontece que a situação melhorou assim que as gravações de Invocação do Mal terminaram. Que medo! A artista chegou até a acreditar que um fantasma iria matá-la.

    O trauma foi forte mesmo. Para finalizar o assunto, ela apenas falou: “Eu fico tão perturbada, tipo, muito assustada. Outro dia, eu fui procurar uma foto da bruxa do filme na internet e eu senti tanto medo ao digitar o nome dela na busca. Eu ficava, tipo: ‘Ela está me vendo, ela vai me matar'”, afirmou. Cruz credo, gente!

    E aí, o que você achou da história?

    Continua após a publicidade
    Publicidade