Mulher recebeu e-mail de vizinhas pedindo que parasse de usar “shortinho”

O tal "Conselho de Mulheres" justificou a mensagem dizendo que Najhara Noronha estaria deixando "casais constrangidos"

Por Gabriela Junqueira Atualizado em 18 mar 2021, 19h48 - Publicado em 18 mar 2021, 16h56
colecao capricho sestini mochila bolsas
CAPRICHO/Sestini/Reprodução

Najhara Noronha, de 36 anos, moradora de Brasília, foi surpreendida por um e-mail enviado por algumas vizinhas de prédio enquanto realizava uma prova online da faculdade. Na mensagem, assinada por um “Conselho de Mulheres”, solicitam que a mulher não ande mais com roupas de academia pelas áreas comuns do prédio e pare de usar “shortinho”. Intitulado “Solicitação de vestuário apropriado”, o e-mail ainda diz para a moradora não usar “vestes que não sejam bermudas ou roupas mais adequadas”.

Mulher recebe e-mail de vizinhos para que pare de usar
Najhara Noronha/Reprodução

A justificativa apresentada seria a de que as roupas de Najhara estavam deixando casais constrangidos. Indignada com a situação, a técnica de laboratório procurou um advogado para analisar o caso e tentou entrar em contato, sem sucesso, com o síndico do prédio.

A brasiliense revelou que ficou surpresa ao receber a mensagem e ainda disse que circula pelas áreas comuns do prédio em que mora há quase um ano e meio apenas quando sai para fazer exercícios. “A questão de um grupo de mulheres, ou apenas de uma mulher, se achar no direito de definir o que eu posso vestir ou não, não há nada que justifique um comportamento desses“, disse para o G1

  • A moradora também conversou com dois funcionários de seu prédio e ambos disseram não saber informar sobre nenhum “Conselho de Mulheres”. Independentemente de quem tenha enviado o e-mail, tentar controlar as roupas que uma mulher usa é, além de sem noção, completamente machista. O único constrangimento causado por esta notícia infelizmente vem de mulheres, mas não de Najhara Noronha.

    Que papelão!!!

    Continua após a publicidade
    Publicidade