Uso de lubrificante para dar efeito “glow” na pele viraliza no TikTok

Entenda esse ~truque~ e por que ele pode causar efeitos colaterais

Por Sofia Duarte Atualizado em 29 out 2021, 10h36 - Publicado em 1 nov 2021, 10h00

A hashtag #lubeprimer, que já conta com mais de 8 milhões de visualizações no TikTok, está cheia de vídeos mostrando como usar um gel lubrificante íntimo no rosto para dar um efeito “glow” na pele. Os usuários ensinam a aplicar o produto como um primer antes da maquiagem, ou, então, misturado à base e, segundo eles, o resultado seria um brilho natural no rosto e até uma textura “pegajosa” que faria a base aderir melhor à pele.

@seananthonyvLUBE AS PRIMER?! ##seananthony ##makeupfyp ##beautytips ##makeup ##viralmakeup ##makeuphacks ##beauty ##mua ##lifehack ##lubeprimer♬ Monkeys Spinning Monkeys – Kevin MacLeod

No entanto, o que muitos não disseram é que esse ~truque~ pode ser extremamente perigoso. Já que o lubrificante não é adequado para o rosto, aumenta-se o risco de dermatite de contato, alergia e até mesmo acne cosmética, conforme explica a dermatologista Dra. Aline Iglesias. “O que torna o gel lubrificante um produto adequado ou não para uso são os ativos adicionados a ele. Produtos destinados à face são pensados e testados para essa finalidade. Utilizaar algo que não foi testado para a região aumenta bastante o risco de ter algum efeito colateral.”

@ameliaolivia09Thought I’d hop on the trend💦 ib: @Rady ##lubeprimer ##makeuphacks ##testingmakeuphacks♬ original sound – Amelia Olivia

“Temos diversos produtos no mercado com essa finalidade, com testes dermatológicos e oftalmológicos, o que os tornam muito mais seguros”, completa. Caso você queria dar esse efeito glow de forma correta, existem ótimos hidratantes que preparam a pele para receber a maquiagem, além de séruns e primers com fórmulas específicas para isso.

Sempre procure a orientação de um médico dermatologista de sua confiança para indicar os produtos adequados para a sua pele, combinado?

Quem deu as informações: Dra. Aline Iglesias, dermatologista da Clínica Dra. Adriana Cairo

Continua após a publicidade

Publicidade