O detalhe que quase ninguém percebeu no look da Lorde no Grammy

A cantora não estava com a rosa branca que os outros famosos usaram como protesto contra o assédio sexual, mas escolheu outra forma de se manifestar

Por Aline Fava 29 jan 2018, 13h17
Promoção CAPRICHO Volta às Aulas 2018
Divulgação/CAPRICHO

Os famosos estão encontrando vários jeitos de protestar no tapete vermelho das premiações que estão acontecendo em 2018. No Globo de Ouro, os looks pretos dominaram o red carpet – a cor foi escolhida para mostrar apoio ao movimento Time’s Up, contra o assédio sexual. No Grammy, esse protesto continuou, mas de um jeito um pouco diferente. Miley Cyrus, Lady Gaga e outras famosas estavam usando ou carregando rosas brancas. A flor foi usada como um acessório para apoiar a causa. Mas e a Lorde? Por que ela não estava com uma rosa branca?

lorde-grammy-2018
Lorde e seu irmão, Angelo Yelich-O’Connor, no Grammy 2018. Christopher Polk/Getty Images
  • Não pense que a cantora ficou de fora do protesto, não. Lorde apenas achou um jeito diferente de mostrar seu apoio a causa – e foi um jeito lindo! Ela escreveu parte de um poema da artista americana Jenny Holzer e costurou o papel na parte de trás de seu vestido como forma de manifestação:

    https://www.instagram.com/p/BehB27UHojJ/?taken-by=lordemusic

    Em um trecho de Inflammatory Essays, Jenny Holzer escreve: “Regozijai-vos! Nosso tempo é intolerável. Tenha coragem, pois o pior é um prenúncio de algo melhor. Apenas uma situação terrível pode precipitar a queda dos opressores. O antigo e o corrupto devem ser destruídos antes que o justo possa triunfar. A contradição será cada vez maior. O apocalipse florescerá.”

    Incrível, né?

    Continua após a publicidade
    Publicidade