De repente está todo mundo mandando mensagens através das roupas?

Usar peças estampadas com frases não é novidade. Porém, parece que nos últimos tempos a moda se tornou, ainda mais, uma forma de se posicionar

Por Thais Varela Atualizado em 1 dez 2019, 11h04 - Publicado em 1 dez 2019, 10h04

Apenas nesta semana, Taylor Swift e Billie Eilish escolheram estampar – literalmente – um recado em seus looks. As duas artistas usaram as roupas para marcarem suas opiniões sobre assuntos diferentes durante o American Music Awards 2019. Mas elas não são as únicas a ter esse tipo de atitude. Nos últimos tempos, a moda está cada vez mais direta, trazendo mensagens políticas e sociais, e sendo um instrumento de posicionamento para marcas, celebridades e para a sociedade no geral.

Taylor Swift e Billie Eilish no AMA 2019 Getty Images/Getty Images

É claro que a moda sempre esteve atrelada à mensagens. Entre os diferentes movimentos culturais que surgiram na história, o modo de se vestir de seus integrantes era uma forma de reconhecimento e de transmitir para o mundo suas filosofias. Não é à toa que os punks, que apareceram nos anos 1970 e enfrentavam o sistema para instaurar um novo modelo político sem tantas regras, tinham uma aparência mais transgressora, pesada. Eles estavam tentando chocar, transformar a sociedade, e isso era visto em suas roupas, acessórios e até em seus cabelos.

O mesmo serve para os hippies, nos anos 1960, que usavam a cabeleira longa, peças de tramas naturais e até difundiram o símbolo de “paz e amor”, entre outras características que tem tudo a ver com sua ideologia de um mundo mais pacífico e em equilíbrio com a natureza.

Estilo hippie com tecidos e acessórios naturais, no clima de “paz e amor” Daily Mirror/Mirrorpix/Mirrorpix/Getty Images

 

  • Apesar de frases já aparecerem na moda há tempos, atualmente, as mensagens presentes nas roupas estão mais óbvias. Quem lembra do desfile da Dior, em 2016, em que a mensagem “We should all be feminists” (“Todos nós deveríamos ser feministas”, em português) apareceu em uma camiseta na passarela e fez uma onda girl power surgir? Ou do vestido de alta-costura usado por Hailee Steinfeld no Baile do MET deste ano, que estampava o escrito “No pictures, please” (“Sem fotos, por favor”, em português), e fazia uma ~piada~ com a relação das celebridades e paparazzis.

    Chiara Ferragni usando camiseta da Dior com os dizeres “We Should All Be Feminists” Getty Images/Getty Images

    View this post on Instagram

    Continua após a publicidade

    I said no photos please, but somehow ended up with all of these… (part 1)

    A post shared by hailee steinfeld (@haileesteinfeld) on

    Vale lembrar que até o vestido de casamento de Hailey Bieber trazia uma mensagem no véu com a romântica frase “Till death do us part” (“até que a morte nos separe”, em português).

    Hailey Bieber com seu vestido de casamento que trazia a frase “Till Death Do Us Parth” no véu Instagram/Reprodução

    Deu para perceber que as opiniões estão explicitas até nas roupas. Em tempos de redes sociais, no qual as pessoas podem espalhar livremente o que pensam pelos diferentes aplicativos (o que, infelizmente, nem sempre resulta em mensagens saudáveis, né?), parece ~natural~ que essa atitude migre também para outras áreas da nossa vida, inclusive para o vestuário. Pensando pelo lado positivo, esse novo comportamento pode ajudar a espalhar muitos recados importantes por aí, como o respeito à natureza e à mulher, como vimos exemplos acima.

    O que você acha dessa atitude? Você sairia por aí com roupas que exibem sua opinião em alguma questão? 

    Continua após a publicidade
    Publicidade