Filha de Pocah sofre ataque racista e noivo da cantora toma medidas legais

Vitória, de 5 anos, filha da participante do BBB21, foi alvo de comentários preconceituosos

Por Vitória Macedo 20 abr 2021, 13h15

O perfil de Pocah se manifestou nesta segunda-feira (19) repudiando os ataques racistas que a filha da cantora, Vitória, de 5 anos, vem sofrendo na web. Pelo visto as medidas legais já estão sendo tomadas, pois o noivo da sister, Ronan Souza, comentou que identificou algumas pessoas que fizeram os comentários preconceituosos. 

  • Vocês, que foram no perfil da Vitória falar m***, para uma criança, joga o chip fora, já achei quatro de vocês. João Pessoa, Florianópolis e 2 do Rio de Janeiro. Já já tem uma surpresinha”, escreveu ele no Twitter.

    Mais cedo, o perfil de Pocah havia compartilhado vários prints com os comentários racistas direcionados à filha da funkeira. Os ataques teriam acontecido após a votação do último domingo (18) no BBB21, em que a cantora votou na Juliette. “É louco pensar que essas mensagens, direcionadas a uma criança de 5 anos, são motivadas exclusivamente porque a mãe dela resolveu votar em um jogo de votação, né? O que está acontecendo no mundo? O que está acontecendo com as pessoas? Somos realmente da mesma espécie?”, escreveu o perfil. As mensagens continham comentários como: “Petição para Pocah deixar Juliette em paz e ir pentear a bucha da filha dela”

    Nas imagens, é possível ver perfil com cactos, símbolo utilizado pela torcida da paraibana, e com a foto dela. “A intenção aqui não é culpar A ou B. A intenção é expor o conteúdo dos prints. Me assusta muito que, com o teor das mensagens expostas, vocês estão se preocupando com um emoji. Precisamos REPUDIAR o acontecido, e não buscar justificativas ou confissão de culpa”, comentou. 

    Continua após a publicidade

    Para além das torcidas, os comentários devem ser repudiados, pois são racistas, são graves. 

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade