Autópsia revela verdadeira causa de morte de Naya Rivera, de Glee

Além disso, os produtores de Glee fizeram uma promessa para os familiares e fãs da atriz

Por Amábile Reis - Atualizado em 17 jul 2020, 19h31 - Publicado em 15 jul 2020, 11h31

Nesta segunda-feira (13/7), o corpo de Naya Rivera foi encontrado após a atriz desaparecer durante um passeio de barco na última quarta-feira (8/7). Na ocasião, a polícia comentou que descartava a hipótese de suicídio – apesar da especulação levantada por alguns internautas ao longo do período de desaparecimento. E, agora, a fim de cessar qualquer teoria, a autópsia do caso foi divulgada e revelou a verdadeira causa de morte da artista de 33 anos.

A morte da estrela foi considerada acidental. “As descobertas da autópsia são consistentes com afogamento e as condições do corpo são consistentes com o horário em que ela mergulhou. Não há machucados traumáticos ou doenças definidas na autópsia“, declarou o comunicado oficial das autoridades para a imprensa. Além disso, os oficiais de Justiça afirmaram que não há indícios de uso de drogas ou álcool que possam ter causado o falecimento de Naya.

Nesta terça-feira (14), Ryan Murphy, Brad Falchuk e Ian Brennan, os produtores de Glee (série em que a artista atuou por seis temporadas), também fizeram um comunicado e escreveram uma carta deixando explícito que ajudarão financeiramente Josey, filho de Rivera, no futuro. “Nós três estamos no processo de criar um fundo financeiro para pagar a faculdade do lindo filho de Naya, que ela amava mais que tudo”, contaram.

Enviamos muita luz para a família, os amigos e os fãs de Naya Rivera.

Continua após a publicidade
Publicidade