Polícia revela causa da morte da influenciadora Gabby Petito

O caso, que já vinha sendo tratado como homicídio, teve novos desdobramentos com o resultado da autópsia

Por Personare Atualizado em 12 out 2021, 16h54 - Publicado em 12 out 2021, 16h27

Em uma coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (12/10), a polícia revelou a causa da morte da influenciadora Gabby Petito, de 22 anos. De acordo com o chefe do departamento legista do condado de Teton, Brent Blue, a autópsia e os exames toxicológicos mostraram que ela foi estrangulada.

Gabby Petito sentada em uma mesa de restaurante olhando para o lado e com a mão no queixo
Segundo a polícia, Gabby Petito foi estrangulada Reprodução/Instagram

Logo após o corpo de Gabby ser encontrado no Parque Nacional Grand Teton, em Wyoming (EUA), em 19 de setembro, as autoridades já vinham tratando o caso como homicídio, mas ainda precisavam aprofundar as investigações. Embora tenha dito que não está autorizada a dar maiores informações, a polícia confirmou que ela não estava grávida.

  • Brian Laundrie, ex-noivo da influenciadora, segue com paradeiro desconhecido. Ele não foi acusado pelo crime, mas pode ser preso porque teria usado um cartão bancário dela depois de seu desaparecimento, o que é contra a lei.

    Os dois viajavam pelos Estados Unidos em uma van e Gabby documentava boa parte da aventura em suas redes sociais. Os pais da jovem comunicaram seu desaparecimento no início de setembro, dias após Brian voltar sozinho para casa, na Flórida, sem se pronunciar sobre o que teria acontecido. A polícia acredita que o estrangulamento aconteceu três a quatro semanas antes do corpo ser localizado.

    Continua após a publicidade
    Publicidade