7 lições de vida que aprendemos com a série The Bold Type

Kat, Jane e Sutton nos ensinam lições valiosas sobre amor próprio, amizade, relacionamentos e como perseguir sonhos

Por Gabriela Junqueira Atualizado em 30 ago 2021, 19h07 - Publicado em 28 ago 2021, 10h05
de um lado, o hidratante, o perfume e a máscara facial hello stars, dispostos lado a lado. De outro, as frases: Cada estrela é única, como você. Conheça a nova linha Hello Stars. Todos os elementos estão em um fundo azul escuro com estrelas que brilham
CAPRICHO/Divulgação

Em outubro estréia na Netflix a 5ª e última temporada de The Bold Type, série que entrou no catálogo do streaming neste ano e virou sucesso. A história gira em torno da amizade do trio Kat, Jane e Sutton, que trabalha em uma grande revista de moda em Nova York. Apesar de no primeiro episódio a série enganar, nos fazendo lembrar de O Diabo Veste Prada, a produção vai em uma direção totalmente contrária e conquista o espectador tratando questões importantes em cada um de seus episódios – e trazendo lições valiosas. Separamos aqui alguns ensinamentos de The Bold Type:

GIF escrito
GIF/CAPRICHO

1. Valorizar suas amizades

via GIPHY

Kat, Jane e Sutton sempre estão unidas e mostram que, independente do que estiver acontecendo, a amizade é uma prioridade para o trio. Além disso, as amigas provam o quanto é poderoso ter pessoas que acreditam em você por perto e como podemos ir mais longe quando temos o suporte de quem nos ama.

2. Posicionar-se e defender as causas que acredita

via GIPHY

Desde o primeiro episódio, em que Kat defende uma matéria durante uma reunião de pauta – mesmo com a editora chefe, Jacqueline Carlyle, dizendo que era melhor não fazer -, ela mostra a sua força e dedicação em lutar pelo o que acha certo. Ao longo das séries, Kat incentiva suas amigas, se posiciona quando vê injustiças e se mobiliza para mudar o que considera errado. #GirlPower que fala, né?

3. Não desistir dos seus sonhos

via GIPHY

Dentro da Scarlet, Sutton sempre se esforçou e aproveitou cada chance para mostrar seu trabalho. Quando percebeu que sua paixão era a moda, não teve medo de mudar de caminho e se arriscar tentando uma nova vaga. Ao começar a trabalhar na editoria que se identificava, não teve medo e deu o seu melhor, provando o quanto merecia estar exatamente onde estava. A personagem mostra que, apesar de alguns sonhos levarem um tempo para serem realizados, não devemos desistir deles e se são aquilo que nos movem, é importante se jogar por inteiro.

  • 4. Ter coragem para ser quem se é e não se prender a rótulos

    Continua após a publicidade

    via GIPHY

    Kat, que nunca havia se relacionado com uma mulher, descobre esse sentimento com a fotógrafa Adena e lida da forma mais natural e real possível. Adena é uma mulher lésbica, mulçumana e feminista, que usa a arte para desafiar imposições e se manifestar. Com tudo o que já falamos sobre o jeito da Kat, nem precisamos dizer que esse é um casalzão, né? Ao longo da série, as duas trilham um caminho de união e coragem, tentando construir a relação que consideram ideal ou possível para as duas – e que inclusive tem suas questões.

    5. Saber aproveitar as oportunidades

    via GIPHY

    O trio de protagonistas mostra a importância de agarrar as oportunidades que, em algum nível, estão ligadas aos nossos sonhos e planos para o futuro. Jane viveu vários desafios profissionais durante as temporadas mas nunca deixou de enfrentá-los. Kat sempre apresentou ideias inovadoras e trouxe novidades para as redes sociais da Scarlet, a área que trabalha, e assim foi conquistando cada vez mais reconhecimento. Sutton nunca teve medo de levar um “não” e aproveitou todas as chances de atuar com moda.

    6. Não ter medo de errar

    via GIPHY

     “Você não me decepcionou, Jane. Você simplesmente falhou. Às vezes você vai falhar. É isso que significa ser um escritor profissional. Agora, vá escrever outra coisa”, aconselhou Jacqueline a Jane em um dos episódios. Errar faz parte da vida, mas não é por que falhamos que precisamos desistir – apenas começar de novo ou de outra maneira. A editora-chefe mostra a a importância de entender que às vezes as coisas não saem como esperamos, mas que é importante seguir.

    7. Seguir seus instintos

    via GIPHY

    As amigas mostram a importância de ouvir o que os seus instintos dizem e insistir mesmo quando parece impossível ou quando alguém fala que não deveriam. Às vezes, nós sabemos o que fazer, mas escutamos tanto as opiniões alheias que podemos acabar nos perdendo. Confie em você, garota!

    Continua após a publicidade
    Publicidade