Duas marcas têm seus cosméticos proibidos para venda pela Anvisa | Capricho

Duas marcas têm seus cosméticos proibidos para venda pela Anvisa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária encontrou irregularidades na produção de cosméticos das marcas Viavip e Palmindaya

Por Da Redação Atualizado em 13 jul 2018, 15h40 - Publicado em 12 jul 2018, 16h54

Aqui no Brasil, antes que cheguem às lojas, os cosméticos passam por uma inspeção da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) – a ideia é garantir a qualidade e a segurança dos lançamentos. No início deste mês, o órgão proibiu a venda de produtos de duas marcas! 

+ Make antigo pode afetar a pele. Reconheça sinais de que ele está vencido

produtos-proibidos-pela-anvisa
Alguns dos produtos que foram proibidos para venda pela Anvisa Divulgação/Reprodução

Uma fiscalização recente mostrou que as marcas Via Vip e Palmindaya apresentavam irregularidades. A Anvisa acusou, no caso da Via Vip, “problemas na produção e falta de atendimento às boas práticas de fabricação de cosméticos”, em sua maioria produtos de cabelo, e, por isso, eles não podem ser vendidos ou divulgados.

  • Já os itens da Palmindaya estavam fora das especificações necessárias em relação aos níveis de acidez e, por isso, seis deles também tiveram sua venda proibida:

    • Loção Após Barba Mentolada Palmindaya (todos os lotes fabricados em 2017)
    • Loção Após Barba Com Aloe Vera (todos os lotes fabricados em 2017)
    • Loção Após Barba Sport (todos os lotes fabricados em 2017)
    • Creme de Barbear Mentolado Palmindaya, lote 593, fabricado em 20/07/2017
    • Creme com Extrato De Pepino Palmindaya Hidratante, lote 0083, fabricado em 27/04/2017
    • Desodorante Creme Hidratante Mãos E Pés Essência Flor De Laranjeira Palmindaya, lote 011, fabricado em 16/06/2017

    Apesar dos cosméticos já estarem sendo recolhidos das lojas, ainda podem estar à venda. Fique atenta, viu? 

    Continua após a publicidade
    Publicidade