Ativista body-positive refaz campanha do perfume de Kim Kardashian

O KKW Body tem um frasco todo inspirado no corpo da socialite

Por Da Redação Atualizado em 7 Maio 2018, 12h27 - Publicado em 6 Maio 2018, 11h18

Na semana passada, Kim Kardashian publicou várias fotos nuas no Instagram para divulgar seu novo perfume, o KKW Body, que imita o formato do seu corpo. Muitas pessoas comentaram, mas teve gente que se preocupou com a mensagem que as fotos poderiam passar. Carmen René, modelo plus size e ativista do movimento body positivity resolveu recriar as imagens do anúncio para propagar o amor próprio e autoaceitação. 

  • Carmen compartilhou uma montagem em suas redes sociais em que aparecem uma foto do corpo de Kim e três do seu próprio, reproduzindo a mesma pose. Na legenda, ela escreveu que a maioria da sociedade considerará “perfeito” apenas um dos corpos que estão na imagem, mas ela pode compartilhar uma realidade diferente. Segundo a definição que ela postou, perfeito é aquilo que tem todos os elementos, qualidades ou características requeridos ou desejáveis; algo tão bom quanto possível. “Parem de se esforçar para ser perfeitas porque, adivinhem só, vocês já são…”.

    Ela reforçou ainda que não existe um corpo melhor que o outro e que todos eles são únicos, bons, desejáveis e perfeitos. “Hoje, neste exato momento, meu corpo está tão bom quanto possível. Não posso mudar hoje, e amanhã pode ser diferente, mas ainda será perfeito”. Nos comentários, muitas pessoas a agradeceram pelo post e disseram que se sentiram inspiradas pela mensagem de Carmen, que reforça que não é preciso ter o corpo da Kim Kardashian para se sentir linda. 

    kkw-body

    Reprodução/Instagram

    Em entrevista à Cosmopolitan americana, ela contou que resolveu fazer isso por se sentir incomodada com a mensagem que as fotos de Kim Kardashian poderiam passar. “Me senti empoderada a compartilhar uma realidade diferente porque é uma realidade com que muitas mulheres podem se identificar.” E disse estar ansiosa pelo momento em que todos os corpos serão aceitos e as diferenças, celebradas. 

    E aí, o que achou da atitude dela? 

    Continua após a publicidade
    Publicidade