Ao mostrar cabelo pós-transição capilar, atriz desabafa: “Ato de coragem”

Clara Buarque, de 20 anos, estará em Éramos Seis, próxima novela das 6h

Por Da Redação - Atualizado em 16 jul 2019, 15h20 - Publicado em 16 jul 2019, 15h19

Se você está passando pela transição capilar (ou se deseja fazer isso), temos mais uma pessoa em quem você pode se inspirar: Clara Buarque. A atriz de 20 anos estará na próxima novela das 6h da Rede Globo, Éramos Seis. Pouco antes de estrear na TV, ela mostrou o novo visual (pós-transição) no Instagram e fez um texto bastante inspirador sobre a escolha de parar os alisamentos e deixar os fios naturais crescerem.

clara-buarque
Clara Buarque Instagram/Reprodução

Agora sim posso dizer que sou uma mulher bem mais livre e corajosa. To me sentindo tão bem”. Assim começa a postagem da jovem, que mostra o “novo” cabelo, mais curto e ondulado. No texto, ela explica que usava química desde 2014 e, há cerca de um ano, resolveu entrar na transição.

Clara foi sincerona e também falou um pouco sobre as dificuldades que enfrentou. “A pior parte é durante esse tempo de espera, porque você se sente feia, esquisita, tem vontade de desistir o tempo todo”, disse. Se identificou? Mas calma, pois, como ela faz questão de destacar, a espera vale a pena. “Pode parecer bobo para alguns que não entendem, mas transição capilar é um ato de coragem. Admiro muito todas as mulheres que conseguiram fazer isso! E pra quem tem vontade de fazer, vai fundo, não desista!! O final vai ser libertador“, continua.

clara-buarque-transição-capilar
Clara Buarque depois da transição capilar Instagram/Reprodução

A atriz é filha do músico Carlinhos Brown e neta de Chico Buarque e Marieta Severo.

Veja o texto completo:

“Vou contar uma coisa pra vocês. Agora sim posso dizer que sou uma mulher bem mais livre e corajosa.
To me sentindo tão bem! É doido pensar como tanta coisa já mudou pra mim desde o começo do ano pra cá. Só quem faz transição capilar sabe a barra que é. Muito mais difícil do que pude imaginar. E esse momento chegou. E eu consegui!

Continua após a publicidade

Para quem não sabe o que quer dizer isso, é o processo de você parar de fazer química pra alisar o cabelo, coisa que muuuitas mulheres fazem. E deixar ele crescer natural, do jeitinho que é. Daí ou você raspa/corta ‘joãozinho’ e deixa o cabelo crescer do zero e natural, ou você vai cortando aos poucos pra tirar a química e vai fazendo escova ou chapinha durante esse tempo, porque ele vai ficar com 2 texturas, a do seu cabelo natural e a com química.

A pior parte é durante esse tempo de espera, porque você se sente feia, esquisita, tem vontade de desistir o tempo todo. É foda! O cabelo fica igual aquela árvore chorão, sabem? Kkkk Já recebi muitas perguntas e elogios aqui no Instagram sobre o meu cabelo, o que eu faço nele, qual química eu usava, o que eu passava, etc… Gente, isso aqui é tudo mentira! Kkkk na maioria das vezes meu cabelo tava com escova e babyliss, não se iludam com o que vocês veem no Instagram. É sempre o melhor ângulo, a melhor foto, o cabelo bom, a pose bonita e por aí vai… Cruzes!

Eu usava química no cabelo desde 2014. Ano passado eu decidi mudar isso, eu queria olhar mais pra mim, me ouvir e me conhecer mais. Ser uma pessoa mais genuína e mais natural. E a transição fazia parte disso. Pode parecer bobo para alguns que não entendem, mas transição capilar é um ato de coragem. Admiro muito todas as mulheres que conseguiram fazer isso! E pra quem tem vontade de fazer, vai fundo, não desista!! O final vai ser libertador.

Estamos acostumados a ver cabelos lisos, longos e em sua maioria loiros ou pintados de loiro. É o padrão, né? E é aonde eu tentei me encaixar durante uns aninhos, é isso que a maioria das mulheres fazem. Mas eu cansei. Não quero mais. Decidi me aceitar e me conectar mais comigo mesma. Bonito é ser o que você é! Porque o padrão massacra pra caramba, muito mais do que a gente imagina.”

Continua após a publicidade
Publicidade