Me apaixonei pelo meu primo!

O que fazer quando seu coração bate mais forte por um primo? Quatro meninas contam suas histórias e mostram que esse amor pode, sim, valer a pena! Só depende de você.

Me apaixonei pelo meu primo…

…e estamos juntos até hoje

@ShenattaF – 15 anos – Bom Repouso (MG)

“Eu e meu primo de segundo grau estudávamos na mesma escola, por isso éramos muito próximos. Sempre desconfiei que ele tivesse uma quedinha por mim, mas eu nem dava muita bola para ele, até o dia que ele me fez uma surpresa. Ele chegou ao meu aniversário com uma caixa de bombom e uma rosa. Achei fofo e acabamos ficando. Mantivemos tudo em segredo por um mês, até que eu decidi contar para a minha mãe. No começo, ela ficou superbrava, mas, com o tempo, acabou entendendo que a gente se gostava. Difícil mesmo foi contar para o meu pai: ele é muito bravo e não queria entender. Foram muitas lágrimas até o meu ‘primo namorado’ resolver conversar com ele. Depois disso, meu pai ficou mais tranquilo e hoje é tudo normal entre nós.”

… mas o namoro não resistiu à distância

@Isaaverissimo – 13 anos – Uberlândia (MG)

“Meu primo de segundo grau foi o meu primeiro namorado. Nós sempre viajamos para a mesma cidade e nos encontramos por lá. Durante uma viagem de carnaval, o clima ficou forte e acabou rolando uma ficada, que, por sinal, foi flagrada pelo meu pai!! Ele me levou embora sem dizer nada e contou tudo para a minha mãe. Falei pra ela que tínhamos resolvido namorar. Foi meio tenso e, ao mesmo tempo, meu  pai começou a pegar mais no meu pé, mas nada sério. Como a gente morava em cidades diferentes, namorávamos mais que tudo por MSN. Só voltamos a nos encontrar nas férias de julho. Ficamos grudados as férias inteiras mas, quando voltei, percebi que a gente era muito jovem para ficar preso a um namoro a distância. Ele não queria terminar. Desde então, não nos falamos…”

… mas minha família nunca aceitou

@maamonice -15 anos – Santo André (SP)

“Até os meus 13 anos, eu não conhecia esse meu primo. Fomos apresentados em uma festa de casamento e, de cara, nos demos superbem. Nós conversávamos pelo MSN todo dia ou trocávamos SMS. Por um ano, fomos completamente inseparáveis, mas, como a gente morava em cidades diferentes, era muito difícil se encontrar. Certo dia, ele disse que me amava e que queria ficar comigo. Eu confessei que sentia o mesmo por ele e, a partir daí, tudo foi ficando mais forte. Resolvi contar para minha mãe e foi uma grande besteira. Ela não gostou da ideia e ainda contou para toda a família, inclusive a do meu ‘primo amor’. Além da minha mãe, toda a família ficou contra e, apesar da tristeza, acabamos nos afastando. Hoje, ele é meu melhor amigo e não sentimos mais nada um pelo outro.”

…ele nunca soube!

@Linnegonzaga – 12 anos – São Paulo (SP)

“Eu já fui muito apaixonada pelo meu primo, a ponto de fantasiar que estávamos juntos e que seriamos muito felizes ao lado um do outro. Eu sou muito amiga da irmã dele e, como nós morávamos muito perto, eu sempre estava na casa deles. Ele é cinco anos mais velho que eu, o que já mostrava que era um amor impossível, mas eu nunca me importei. Voltava correndo da escola para ficar na casa dele e o esperar chegar. Morria de ciúmes das namoradas dele e sentia uma pontada no coração quando eles se beijavam na minha frente, e claro, me derretia quando ganhava um beijo de ‘tchau’ dele. Nunca confessei a ninguém meus sentimentos e hoje dou risada de tudo isso.”

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s