Mãe defende jovem que fez ensaio de 15 anos considerado racista

Nas fotos, a debutante aparece vestida de sinhazinha ao lado de pessoas negras vestidas de escravos

Por Da Redação - Atualizado em 16 mar 2018, 00h35 - Publicado em 15 mar 2018, 18h20

Nesta quinta-feira (15/3), a hashtag “escravidão” foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter. O motivo? A divulgação de fotos de um ensaio de 15 anos feito em Belém (PA) que gerou revolta na web. Nas imagens, a debutante aparece vestida de sinhazinha ao lado de pessoas negras vestidas como escravos. Em entrevista ao G1, a mãe da jovem se defendeu e disse que a acusação de racismo é “pesada”.

“Em nenhum momento passou pela nossa cabeça menosprezar uma raça, tanto que em nossa família existem negros e índios”, disse a empresária Bianca Castilho, mãe da adolescente.

“Precisam saber o que de fato se passa por trás da imagem, qual o real significado. A escravidão é algo que é fato, sabemos que ainda existe o racismo! E a foto foge do tema real da festa da debutante, que é o imperialismo, ‘Jardim imperial’. É fácil criticar sem ter base a cerca do assunto, pois é bem mais abrangente”, continuou.

Instagram/Reprodução

As fotos, agora deletadas, foram compartilhadas no Instagram pelo Cerimonial Lorena Machado, responsável pela festa. Mas a história só ganhou maior visibilidade depois que as pessoas começaram a falar sobre o assunto no Facebook. Bianca acredita que as imagens foram interpretadas de forma deturpada e, durante a entrevista para o portal, chegou a mencionar um possível processo. “Queríamos acrescentar que a pessoa que evidenciou a postagem acrescentou palavras à imagem que viralizou na internet. Podemos até processar a pessoa que começou todo esse movimento em desfavor do sonho em ter uma festa de 15 anos, que é o momento único para uma adolescente como a minha filha”, disse.

Continua após a publicidade

Vale lembrar que a cerimonialista do evento, Lorena Machado, divulgou uma nota (também apagada) prestando esclarecimentos e se desculpando pelo que aconteceu.

 

Publicidade