Coronavírus: Zara doará jalecos e máscaras para hospitais na Espanha

Mais um grupo da indústria da moda está agindo no combate à epidemia

Por Sofia Duarte Atualizado em 20 mar 2020, 15h17 - Publicado em 20 mar 2020, 14h17

Depois do conglomerado LVMH, que possui grifes como Dior e Louis Vuitton, anunciar que usará suas fábricas para produzir álcool em gel, mais um grupo tomou uma medida importante no combate à epidemia global do coronavírus.

A Inditex, dona da Zara, Bershka, Pull and Bear e outras marcas, tem sua sede na Galiza, na Espanha, e comunicou que colocará suas fábricas e times de logística à disposição do governo espanhol para produzir e doar máscaras, jalecos, óculos protetores e luvas a pacientes e profissionais da saúde de hospitais do país.

  • Segundo um representante da rede de fast-fashion, a entrega de materiais acontecerá pelo menos uma vez por semana. Já foram distribuídas 10 mil máscaras e há uma previsão de que esse número chegue a 300 mil nas próximas semanas.

    A Espanha registrou mais de mil mortes por coronavírus e é o terceiro país do mundo com a maior quantidade de contaminados, atrás apenas de China e Itália.

    Para se prevenir e ficar por dentro de notícias importantes sobre o coronavírus, leia essa entrevista que a CH fez com um infectologista do Hospital Israelita Albert Einstein.

    Continua após a publicidade
    Publicidade