MC Loma processa empresário e o acusa de mau gerenciamento da carreira

A produtora Start Music também é acusada de não repassar o valor correto dos cachês de shows

MC Loma abriu um processo contra a produtora Start Music, do empresário Marcelo Fernandes, que cuida da sua carreira e das Gêmeas Lacração, Mariely e Mirella Santos. Segundo o EXTRA, além do mau gerenciamento de carreira, ele é acusado de não repassar o valor correto dos cachês cobrados por shows.

mc-loma-gemeas-lacracao-rebatem-tony-nunes

 (Instagram/Reprodução)

Por conta de um contrato, Loma e sua mãe, Cláudia Pereira da Silva, não podem falar sobre o assunto. Mas no último final de semana, a cantora fez alguns posts em seu Instagram e se mostrou bastante triste com o momento que está vivendo. “Foram tantos planos que criamos, tantas dificuldades que passamos. E hoje, eu só posso lembrar dos bons momentos. Acreditei, confiei e me decepcionei”, lamentou através do Insta Stories.

View this post on Instagram

❌❌❌❌🚫🚫🚫🚫 Deus tu conhece meu interior e também ver toda minha dor, to ansioso Deus. Deus meu coração tá acelerado e quase todo dia ele fica angustiado me socorre Deus. Deus tu disse que em minha vida ia cumprir e eu não consigo nem me levantar daqui oh meu senhor. Deus tu disse que do outro lado eu ia cantar mas com essa dor eu não consigo nem me movimentar me socorre Deus!! Eu estou apavorada, eu estou desesperada e vim aqui pra a gente conversar, hoje eu vim aqui pra dizer pra ti vem me ajudar, do chão vem me tirar eu estou desacreditada, eu estou desesperada só sinto vontade de morrer, vem me socorrer e hoje eu vim aqui pra dizer toda a verdade meu coração não tem mais fé, eu não consigo nem ficar de pé eu te magoei até te entresteci, mas mesmo desse jeito eu me rendo e hoje eu vim aqui pra dizer o que eu estou sentindo, a minha mente está se dividindo, meu coração está partindo estende tua mão enquanto eu tiver em adoração pois os te adorando eu me sinto feliz 🙇🏻‍♀️

A post shared by Paloma Santos (@mclomaofficial) on

Em entrevista ao EXTRA, o empresário negou as acusações e afirmou que 60% do cachê é repassado mensalmente para o trio, cerca de R$ 20 mil para cada uma. “Somos uma empresa transparente demais com os nossos artistas”, afirmou Marcelo, que garantiu ter todos os comprovantes.

Apesar da ação movida contra a empresa, Marcelo disse que quer conversar e resolver a questão de maneira amigável. “Ela, do nada, parou de falar com a gente pelo nosso grupo do WhatsApp e passou a falar, postar coisas nas redes sociais. Ela abriu um processo contra a nossa empresa e isso nos pegou de surpresa”. E completou: “Não queremos brigar, queremos sentar, conversar e que ela continue sendo a nossa artista”.

Atualmente, Loma não está realizando shows após proibição da justiça por não frequentar a escola. Depois da polêmica, ela se matriculou em uma escola pública de São Paulo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s