Príncipe George ganha presente ~peculiar~ e governo de Malta se revolta

O mimo tem apenas 23 milhões de anos, rs. O governo maltês exige que a família real faça a devolução do fóssil

Por Da Redação Atualizado em 29 set 2020, 19h35 - Publicado em 29 set 2020, 10h20
colecao-roupas-capricho-marisa
Divulgação/CAPRICHO

Todo mundo já ganhou algum presente peculiar. Mas, acredite, o príncipe George conseguiu superar quaisquer expectativas no último fim de semana. Ele recebeu um dente de tubarão pré-histórico do naturalista Sir David Attenborough. Achou que a história inusitada pararia por aí? Que nada! O problema é que o governo de Malta está exigindo da família real a devolução desse fóssil de 23 milhões de anos, afirmando que o tal mimo pertence à ilha.

Attenborough descobriu o dente durante férias em Malta, no fim dos anos 1960. E ele ofereceu o presente a George após participar de uma exibição privada de seu documentário com a família de Príncipe William.

Ao saber da notícia, que foi compartilhada pela própria realeza britânica no Instagram de Kensington Royal, José Herrera, ministro da cultura de Malta, declarou que pretende “dar o pontapé inicial” na recuperação do dente.

View this post on Instagram

The Duke and Duchess of Cambridge are delighted to share new photographs of their family with @DavidAttenborough. The photographs were taken earlier this week in the gardens of Kensington Palace, after The Duke and Sir David attended an outdoor screening of Sir David’s upcoming feature film 🎞️ ‘David Attenborough: A Life On Our Planet’. With a shared passion for protecting the natural world, they continue to support one another in their missions to tackle some of the biggest environmental challenges our planet faces. This includes working together on The @EarthshotPrize 🌍 the most prestigious global environment prize in history – further details of which will be shared in the coming weeks. When they met, Sir David gave Prince George a tooth from a giant shark 🦷 the scientific name of which is carcharocles megalodon (‘big tooth’). Sir David found the tooth on a family holiday to Malta in the late 1960s, embedded in the island’s soft yellow limestone which was laid down during the Miocene period some 23 million years ago. Carcharocles is believed to have grown to 15 metres in length, which is about twice the length of the Great White, the largest shark alive today.

A post shared by Duke and Duchess of Cambridge (@kensingtonroyal) on

“Existem alguns artefatos que são importantes para o patrimônio natural maltês, que acabaram no exterior e merecem ser recuperados”, disse Herrera ao Times Of Malta. E aí, você concorda com a postura do político ou acha que o presente merece ficar com o príncipe George?

Já segue a CH nas redes sociais?
INSTAGRAM | TIKTOK | TWITTER | FACEBOOK | YOUTUBE

Continua após a publicidade

Publicidade