“Não tem como”, diz Gizelly, do BBB20, sobre amizade com alguns brothers

Quem serão eles, hein?

Por Amábile Reis Atualizado em 12 Maio 2020, 16h36 - Publicado em 12 Maio 2020, 12h06
perfume ch o boticario fragrancia capricho mood
CAPRICHO/Divulgação

Em entrevista para a Quem, Gizelly Bicalho refletiu sobre a sua passagem no Big Brother Brasil. A advogada comentou a briga com Hadson e Victor Hugo e ainda esclareceu que não há como manter amizade com alguns ex-participantes da casa fora da ~nave louca~. 

  • A Furacão explicou que as emoções dentro do confinamento eram muito intensas e que, por isso, as discussões ganhavam uma proporção muito maior que a necessária. “A gente, por exemplo, não queria ir falar com o Hadson daquela forma. Mas hoje, pensando nisso, talvez assim ele pôde entender o que estava acontecendo. Mas me arrependo de ter ido falar com ele daquela forma, me arrependo de ter me exaltado com Victor Hugo, me arrependo de ter gritado. Não gosto de perder o controle, mas lá dentro é um mix de sentimentos muito grande”, disse. 

    Sem dar nomes, a capixaba revelou que não pretende manter uma relação fora do reality show com alguns colegas: “Não tem como nem ser amigo. São ideologias diferentes, vamos acabar sempre discutindo. Tem gente que quero levar para a vida, mas tem gente que é melhor levar a vida para lá e eu para cá.” 

    Quem serão, hein?

    Continua após a publicidade
    Publicidade