Meghan Markle não participou de reunião com rainha por medo de espionagem

O Palácio teria preferido que a duquesa não entrasse na conversa por vídeo-conferência

Por Da Redação - 14 jan 2020, 15h52

Nesta segunda-feira (13), a família real se reuniu para definir detalhes sobre o afastamento de Meghan Markle e príncipe Harry da realeza. Enquanto o ruivo marcou presença na conversa ao lado da rainha Elizabeth II, do pai, príncipe Charles, e do irmão, William, Meghan participaria do encontro via telefone, já que ela está no Canadá.

meghan-markle-principe-harry-batizado-principe-louis
Meghan Markle e Príncipe Harry no batizado do Príncipe Louis WPA Pool/Getty Images

Mas, de acordo com o jornal Daily Mail, isso não aconteceu, porque oficiais do palácio ficaram com medo de espionagem. Eita! “Devido à natureza sensível das negociações e que ninguém sabia quem poderia estar ouvindo”, disse uma fonte. “Essa foi uma discussão familiar altamente confidencial, não uma teleconferência”.

Segundo o jornal, Harry chegou duas horas antes do marcado para a reunião, para tentar conversas a sós com a avô, que apesar de preferir que eles permanecessem em seus cargos, apoiou a decisão do casal.

Detalhes sobre a independência financeira de Harry e Meghan ainda estão sendo combinados.

Continua após a publicidade
Publicidade