“Apoiamos totalmente o desejo de Harry e Meghan”, diz rainha Elizabeth II

A rainha se reuniu com os príncipes Charles, Harry e William para decidir o futuro de Meghan e seu marido na família real

Por Gabriela Zocchi Atualizado em 13 jan 2020, 17h45 - Publicado em 13 jan 2020, 17h42

Parece que as coisas estão se acertando na família real britânica! Depois dos tabloides apontarem que a rainha Elizabeth II estava “desapontada” com a decisão do neto, príncipe Harry, e sua esposa, Meghan Markle, de se afastarem dos seus cargos na realeza, nesta segunda-feira (13) a família se reuniu na residência particular dela, em Sandringham, no leste da Inglaterra, para definir os detalhes desta escolha.

familia-real-batizado-principe-louis
Você já se perguntou quem que paga as roupas da realeza? Reprodução/Instagram

Mais tarde, um comunicado oficial de Betinha foi disparado para a imprensa e postado nas redes sociais da família real, no qual ela dizia apoiar a decisão do neto. Veja o texto na íntegra:

“Hoje minha família teve discussões muito construtivas sobre o futuro de meu neto e de sua família.

Continua após a publicidade

Minha família e eu apoiamos totalmente o desejo de Harry e Meghan de criar uma nova vida como uma família jovem. Embora prefiramos que continuem trabalhando como membros da Família Real em período integral, respeitamos e entendemos o desejo de viver uma vida mais independente como família, mantendo uma parte valiosa de minha família.

Harry e Meghan deixaram claro que não querem depender de fundos públicos em suas novas vidas. Foi, portanto, acordado que haverá um período de transição em que os duques de Sussex passarão algum tempo no Canadá e no Reino Unido.

Esses são assuntos complexos para minha família resolver, e há mais trabalho a ser feito, mas solicitei que as decisões finais fossem tomadas nos próximos dias”, conclui o comunicado.

Estavam nesta reunião a rainha, o príncipe Charles, o príncipe William e o príncipe Harry. Meghan teria participado da conversa via telefone. Embora não tenham revelado detalhes do encontro, é provável que eles tenham discutido como ficará a renda do casal e os trabalhos que os pais de Archie poderão ou não realizar.

De acordo com o jornal The Times, Harry e Meghan teriam decidido se afastar da família real após uma série de brigas do ruivo com seu irmão, William. Diz uma fonte da publicação que o futuro herdeiro do trono fazia bullying com o casal, lembrando o tempo todo aos dois o lugar deles na hierarquia familiar. A relação dos irmãos começou a estremecer em 2018, antes do casamento dos duques de Sussex, depois que Harry acusou William de não ser receptivo com sua amada.

Continua após a publicidade

Publicidade