Mãe de Ludmilla ~expõe~ funcionária de salão que a xingou no Face

A mulher chamou a mãe da cantora de "marrenta" e ela foi lá tirar satisfação

Por Da Redação Atualizado em 4 jul 2017, 12h29 - Publicado em 4 jul 2017, 12h15

A mãe da cantora Ludmilla, Silvana Silva, atualizou as definições de lacrar no Facebook nesta segunda-feira (3). Em um vídeo postado em seu perfil, Silvana aparece tirando satisfação com uma funcionária de um salão de beleza em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, depois que mulher a criticou nas redes sociais.

“A mãe da Ludmilla veio aqui no salão fazer cabelo. Tem implante até na sobrancelha. Que mulher marrenta, senhor! Se achando a Beyoncé. Avisa ela que famosa é só a filha! As pessoas acham que porque têm dinheiro são melhores que os outros, né?”, dizia o post.

Ludmilla e sua mãe, Silvana Reprodução/Instagram

Aconteceu que Sra. Ludmilla Mãe recebeu um print do post e decidiu ir ao salão para esclarecer tudo com a funcionária. Para deixar tudo claro, ela ainda gravou o momento e postou o vídeo em seu Facebook depois!

 

“Qual foi o dia que eu cheguei aqui jogando dinheiro na cara de alguém ou fazendo alguma coisa nesse tipo?” perguntou Silvana à mulher. “Eu saí daqui de Caxias, mas não foi corrida, não. A minha filha tem uma profissão. Ela é cantora, uma artista. Eu sai daqui de boa, e vou vir quantas vezes quiser”, disse.

Continua após a publicidade

“Isso só me dá certeza de que pessoas como você nunca vão chegar a lugar nenhum. Se é esse o pensamento que você tem: que hoje eu tenho dinheiro e não posso sentar aqui para fazer o meu cabelo. Posso, sim, porque aqui tem bom profissional, e eu dou valor a isso”, continuou Silvana.

A funcionária até tentou se explicar, dizendo que, na verdade, escreveu o texto para fazer uma “palhaçada”. Ela contou que já tinha apagado o post.

“Humildade eu tenho é muita. Pelo que você fez, palhaça aqui é você. Você gosta de expor as pessoas ao ridículo. E eu não tenho implante. Isso aqui é uma full lace. Se você acha que eu sou metida, então eu vou ser. Sempre cheguei aqui e fui bem tratada. Conheço todo mundo aqui. Eu cumprimentei as pessoas que eu conheço. Vou voltar aqui quantas vezes eu quiser e espero que você não faça mais isso”, declarou.

Bapho, né?

Continua após a publicidade

Publicidade