Liam Payne sobre saída de Zayn do One Direction: “Ele nem se despediu”

Em entrevista, o cantor revelou que, na época, o clima na banda ficou ~tenso~

Por Da Redação - Atualizado em 4 nov 2019, 20h12 - Publicado em 4 nov 2019, 18h59

Liam Payne está na capa da revista britânica GQ Hype deste mês e, em entrevista, abriu o jogo sobre a saída de Zayn Malik do One Direction, que aconteceu em 2015.

View this post on Instagram

Your 7AM wake up call, direct from #LiamPayne 🔥 We caught up with the former #OneDirection star on everything from his first solo debut album to getting naked for his first @hugo_official underwear ad and so much more… LINK IN BIO for the full #GQHype interview. ✍️ @jonathangq 📸 // #GQ Editor @dylanjonesgq

A post shared by British GQ (@britishgq) on

Segundo o cantor, ainda há certa mágoa entre os integrantes do grupo: “Definitivamente tem em algum nível. Nós tivemos nossas diferenças durante toda a experiência. Eu ainda penso sobre algumas coisas que foram ditas e feitas que agora faria de um jeito diferente, mas tudo isso faz parte do crescimento. Estar no One Direction era como ter uma mentalidade de pátio da escola – chamo de a Universidade do One Direction. Todo mundo diz coisas em festas que não queria ter dito, mas, para nós, a diferença é que tudo estava acontecendo na frente do mundo. Agora nós somos mais velhos, e para mim tem certas coisas que não me incomodam mais.”

E o que a gente queria mesmo saber é… E a saída do Zayn da banda? Como foi? “Eu acho que especialmente a saída do Zayn e por conta do jeito que ele escolheu sair, nós não temos muito contato com ele desde então. Ele nem se despediu, para ser honesto. Foi um cenário realmente sórdido, do nosso lado certamente. Um pouco estranho. É difícil”, contou Liam.

Tenso, né?

Continua após a publicidade
Publicidade