K-pop: petição contra saída de Soojin do (G)I-DLE ganha força na internet

O desligamento da artista, feito pela agência CUBE Entertainment, revoltou os fãs. Entenda o caso

Por Gustavo Balducci Atualizado em 21 ago 2021, 12h49 - Publicado em 21 ago 2021, 10h01
de um lado, o hidratante, o perfume e a máscara facial hello stars, dispostos lado a lado. De outro, as frases: Cada estrela é única, como você. Conheça a nova linha Hello Stars. Todos os elementos estão em um fundo azul escuro com estrelas que brilham
CAPRICHO/Divulgação

No dia 14 de agosto, a agência Cube Entertainment emitiu um comunicado sinalizando o desligamento oficial de Soojin, que estava afastada do grupo (G)I-DLE desde março após ser acusada de ter praticado bullying na época da escola. Na ocasião, a empresa e a cantora negaram as alegações e afirmaram que entrariam na justiça para combater os rumores.

“Olá. Aqui é a Cube Entertainment. Em primeiro lugar, a agência gostaria de pedir desculpas por ter causado preocupações em relação à polêmica que envolveu a nossa artista Soojin. Hoje estamos anunciando a decisão de que Soojin vai deixar o grupo. O (G)I-DLE vai ter agora cinco integrantes. Vamos continuar fazendo nosso melhor e dar apoio ao (G)I-DLE para que elas possam crescer ainda mais na música e em suas performances“, publicou a agência.

É claro que a notícia pegou os fãs de surpresa. Afinal, nenhuma novidade ou conclusão sobre as investigações havia sido divulgada. Em protesto à decisão da agência, o fandom criou uma petição online no site change.org chamada JUSTICE FOR SOOJIN (JUSTIÇA POR SOOJIN). Na descrição, é reforçado que a Cube Entertainment não deu a oportunidade da artista emitir uma declaração honesta sobre sua saída do grupo.

Foto de Soojin usando blusa branca com tiara e batom vermelho; ela está com as mãos levantadas na frente do corpo e tem a expressão séria
Soojin Cube Entertainment/Divulgação

A petição já ultrapassou 170 mil assinaturas e os fãs continuam subindo hashtags nas redes sociais para tentar reverter a situação. Essa não é a primeira vez que a agência é acusada por negligenciar a carreira de seus artistas e de não saber lidar com situações difíceis: Em 2018, a empresa expulsou a cantora HyunA e DAWN (ex-integrante do PENTAGON) após assumirem seu namoro publicamente. Em 2019, o casal voltou com tudo através da P.NATION, a gravadora do cantor PSY. Recentemente, a integrante Choi Yujin também falou sobre o possível fim do CLC durante um programa de TV. Até o momento, a Cube não se pronunciou sobre o assunto.

Ainda não está claro o que levou a saída repentina de Soojin do (G)I-DLE, mas os fãs esperam que a artista e a agência venham a público para explicar a situação.

O que você está achando desse caso?

Continua após a publicidade
Publicidade