Justin Bieber diz que seu pulso era checado à noite por causa de drogas

O cantor comentou sobre sua fase com drogas e o apoio de sua esposa, Hailey Bieber

Por Vitória Macedo Atualizado em 14 abr 2021, 17h19 - Publicado em 14 abr 2021, 17h18

Justin Bieber falou com sinceridade para a GQ sobre uma fase difícil de sua vida com o uso de drogas. O cantor revelou que chegou a um ponto tão baixo que no meio da noite seguranças checavam seu pulso para ter certeza de que ainda estava vivo. Ele também ressaltou a importância de Hailey Bieber para que ele retomasse o foco em sua carreira. 

  •  “Foi como se eu tivesse todo esse sucesso e ainda assim: ‘Ainda estou triste e ainda estou com dor. E ainda tenho esses problemas não resolvidos.’ E eu pensei que todo o sucesso iria tornar tudo bom”, disse ele. “E então, para mim, as drogas eram um agente entorpecente para continuar”, revelou.

    Justin também falou sobre como se sentia em relação à sua carreira, sendo uma estrela pop. “Existem todas essas opiniões. E nesta indústria, você tem pessoas que infelizmente se aproveitam das inseguranças das pessoas e usam isso em seu benefício. E então, quando isso acontece, obviamente você fica com raiva. E então você é esse jovem zangado que teve esses grandes sonhos, e aí o mundo simplesmente te irrita e te transforma nessa pessoa que você não quer ser. Você acorda um dia e seus relacionamentos estão muito infelizes e você tem todo esse sucesso do mundo, mas você fica tipo:  Bem, de que vale isso se ainda estou me sentindo um vazio por dentro?”, contou ele.

    Casamento com Hailey Bieber 

    Segundo o cantor, sua esposa Hailey Bieber, – com quem se casou em 2018 em um evento íntimo e no ano seguinte fizeram uma cerimônia de casamento maior -, foi fundamental para ele voltar ao eixo e focar na carreira novamente. Mesmo ele reconhecendo que seu primeiro ano de casamento “foi muito difícil por vários traumas terem voltado”.

     

    “Havia apenas uma falta de confiança”, lembrou Bieber. “Há todas essas coisas que você não quer admitir para a pessoa com quem está, porque é assustador. Você não quer assustá-las dizendo: ‘Estou com medo.'”

    Pensando em seu casamento agora, Justin disse que ele e a modelo estão  “apenas criando esses momentos como um casal, como uma família, estão construindo uma família.” 

    O cantor ainda contou que antigamente não tinha esses momentos. “Minha vida familiar era instável. Eu não tinha uma pessoa importante. Não tinha alguém para amar. Não tinha alguém em quem servir”, disse Justin. 

    Continua após a publicidade
    Publicidade