JUST B celebra sucesso e agradece aos fãs: “Estaremos sempre lá por eles”

Sexteto conversou com a CAPRICHO sobre sua nova fase no k-pop e expectativas para o futuro

Por Gustavo Balducci Atualizado em 29 jul 2022, 15h09 - Publicado em 30 jul 2022, 10h00

Sendo um dos nomes mais quentes e interessantes da nova geração de artistas do k-pop, o grupo JUST B completou em junho seu primeiro aniversário. “Foi o ano mais significativo da minha vida. Eu espero celebrar o nosso décimo e vigésimo aniversário junto com o fandom ONLY B também”, contou Lim Jimin à Capricho.

Lançado em 2021 através da agência Bluedot Entertainment, o conjunto chama atenção por reunir nomes conhecidos do público, incluindo Geonu e JM, que já participaram do programa I-Land (responsável por formar o grupo ENHYPEN), além de Bain e DY, que concorreram no reality musical Under Nineteen. Quem completa o sexteto é o jovem Sangwoo, que fez sua estreia na cena ao lado do JUST B e sente muito orgulho dos colegas. “Todos os membros são apaixonados por expressar livremente seu estilo único no palco, o que é bastante agradável de assistir”, disse.

Enquanto comemoram o sucesso de JUST BEGUN, terceiro mini-álbum da carreira, e se preparam para sair em turnê nos próximos meses, os integrantes bateram um papo exclusivo com a CH; confira:

CH: O que vocês sentem que mudou durante esse primeiro ano do grupo?

GEONU: Sinto que eu adquiri as capacidades necessárias para tocar as atividades promocionais sabiamente.

DY: Eu estou tentando descobrir aspectos mais honestos e cândidos de mim mesmo, e acho que eu já realizei isso parcialmente.

JM: Foi um ano muito significativo. Eu já estava feliz em estar com o ONLY B, e espero passar ainda mais tempo com vocês no futuro.

CH: Com tantos grupos surgindo recentemente no k-pop, o que vocês consideram que destaca o trabalho do JUST B?

GEONU: Enquanto cada membro tem o seu estilo único, personalidade e cor, nós também somos encantadores quando estamos todos juntos.

CH: Quase todos vocês já participaram de realities musicais antes de entrar para o JUST B. Como essas experiências ajudaram vocês dentro do grupo?

DY: Com certeza me permitiu ter mais gratidão pela equipe antes mesmo de debutar, e eu ainda me sinto assim com eles.

LIM JIMIN: A experiência de ir em vários palcos antes de debutar me permitiu curtir performar no palco com uma atitude mais tranquila depois que eu entrei para o JUST B.

CH: Desde a estreia, vocês apresentam aos fãs uma história poderosa que mistura referências pop e muita tecnologia. Nos videoclipes de DAMAGE e TICK TOCK, por exemplo, o grupo aparece lutando para escapar de um mundo distópico e sombrio. Qual foi o conceito criado para RE=LOAD?

BAIN: Os três álbuns lançados até agora formam a trilogia RAGE (raiva). Como você comentou, DAMAGE e TICK TOCK retratam nossa luta para escapar da raiva interna e externa. Através de RE=LOAD, a última música dessa série, nós queríamos deixar uma mensagem sobre um futuro mais esperançoso. O conceito fala sobre superar a raiva e aprender a se expressar de forma confiante.

CH: Além das pílulas vermelhas (igual na franquia Matrix) que já apareceram antes, no clipe de RE=LOAD também somos apresentados a novos elementos, como a borboleta branca. O que podemos esperar para os próximos capítulos visuais dessa jornada?

BAIN: Há novos objetos em cena, como frésias, um cachecol e uma borboleta branca. Cada objeto tem um significado importante. Nós usamos especificamente a flor frésia, que significa “felicidades para o seu novo começo”. Da mesma forma, cada um desses outros objetos adicionou uma camada nova à história. Na descrição do clipe no YouTube, também é possível encontrar mais detalhes para entender melhor os próximos capítulos.

CH: A faixa Lights On, presente no novo disco, já se tornou especial para os fãs. Qual é a mensagem que vocês gostariam de passar através dela?

JM: Como diz na letra, nós queremos dizer ao ONLY B que eles não estão sozinhos, que nós estaremos sempre lá por eles.

BAIN: Através de Lights On, queremos dizer ao ONLY B que nós os amamos e torcemos por eles assim como eles fazem por nós. Queremos que o ONLY B saiba que nós sempre vamos segurar a mão deles, não importa as dificuldades que eles possam encontrar.

Continua após a publicidade

CH: Vocês também participaram do processo criativo do álbum. De onde saíram as inspirações para as letras?

DY: Acho que confiança é a chave. Já que o álbum era o encerramento da série RAGE, eu queria ter certeza de que as letras refletissem a nossa paixão mais do que tudo. Quando se trata de escrever letras, eu geralmente me inspiro nas estações do ano. Ou às vezes, quando eu saio pra caminhar ou ver um filme, eu anoto todas as palavras chave que vem à minha mente e depois eu as uso.

CH: O grupo está se preparando para sair em turnê nos próximos meses. Estão animados para encontrar os fãs pessoalmente?

SANGWOO: Estou muito animado para encontrar os fãs de todo o mundo ao vivo. Vamos nos divertir muito juntos durante a turnê!

CH: Gostariam de fazer um show no Brasil?

LIM JIMIN: Eu mal posso esperar para visitar o Brasil! Quero sentir a paixão dos fãs brasileiros e compartilhar a nossa paixão com eles também.

CH: Como vocês se sentem sabendo que existem fãs do JUST B do outro lado do mundo?

DY: Confesso que ainda não caiu a ficha, porque eu ainda não os encontrei pessoalmente, mas estou muito animado para ir ao Brasil em breve e passar um tempo com todos eles.

GEONU: É tão legal que eles apoiem e mostrem interesse no grupo mesmo de tão longe, e eu sou extremamente grato por isso. Sempre que eu vejo os comentários ou o conteúdo que eles compartilham nas redes sociais, eu posso sentir que os fãs brasileiros se importam bastante com a gente.

CH: E que mensagem vocês gostariam de deixar para eles?

SANGWOO: Quero encontrar os fãs brasileiros pessoalmente assim que eu tiver a oportunidade!

JM: Olá, Brasil! Oi, muito obrigado por sempre nos apoiar e pensar em nós. Vamos retribuir o seu amor trabalhando duro e fazendo grandes performances no futuro.

CH: Para finalizar, qual é o grande sonho de cada um de vocês?

DY: Meu sonho como artista é fazer grandes canções para as pessoas.

SANGWOO: Eu quero trazer mais conforto e prazer para as pessoas através da minha voz.

LIM JIMIN: Quero ser um bom sênior para os meus trainees no futuro.

JM: Eu quero me tornar um grande artista trabalhando muito e dando o meu máximo sem pensar no passado.

BAIN: Meu objetivo é um dia poder dizer “Eu tive uma vida feliz e muito divertida” quando eu olhar para trás em qualquer momento.

GEONU: Eu quero ser capaz de fazer as pessoas sentirem várias emoções com a minha voz e meus movimentos no palco.

Acompanhe o JUST B no Twitter e no Instagram.

Continua após a publicidade

Publicidade