Jacob Elordi fala sobre sofrer com a objetificação masculina: “Frustrante”

"Não acho que seja realmente uma conversa que as pessoas têm a respeito dos homens", disse o ator

Por Bruna Parrado 22 dez 2021, 15h24

Nesta segunda-feira (20), a Men’s Health divulgou uma entrevista exclusiva com Jacob Elordi em que o ator fala mais sobre sua carreira e assuntos pessoais. Sendo um dos grandes crushs da galera, ele comentou como se sente em relação à objetificação de seu corpo e sua aparência. 

Há diversas cenas na trilogia de A Barraca do Beijo – filme estrelado por ele, Joey King e Joel Courtney – em que Jacob aparece sem camisa, e isso o incomodou por um tempo. “Você aprende rapidamente que o que as pessoas tiram desses filmes é a sua estatura e sua figura”, disse.

Você tem todos os tipos de faixas etárias ao redor do mundo falando apenas sobre sua aparência”, completou. O ator opinou sobre essa situação em relação ao corpo masculino. “Não acho que seja realmente uma conversa que as pessoas têm a respeito dos homens”, afirmou.

Jacob ainda revelou que isso não é algo que o mantém acordado à noite, mas “é definitivamente frustrante” – citando de exemplo quando se troca em uma sessão de fotos e alguém fala do seu corpo. “Você pode imaginar se eu dissesse a uma mulher: ‘Uau, olhe para a sua cintura! Vejo você mais tarde?’. Eu nunca faria isso, mas acho que as pessoas veem em suas telas, então acham que está tudo bem”, finalizou.

Continua após a publicidade

Publicidade