Garota que ofendeu Titi Gagliasso é negra e não está arrependida

Adolescente de 14 anos é de Guarulhos e já fez injúrias raciais a Gabi Amarantos

Por Da Redação - 21 dez 2016, 19h28

A garota de 14 anos que confessou ter feito ofensas racistas contra a filha de Bruno Gagliasso e Giovana Ewbank, a pequena Chissomo, de 3 anos, carinhosamente chamada de Titi, é negra e não se mostrou arrependida. Segundo o site G1, a delegada Daniela Terra, responsável pela investigação, contou que ela e os investigadores ficaram surpresos com a postura da menina.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução Reprodução/Instagram

“Ela não se mostrou arrependida, o que até causou estranheza pra gente, e foi clara em dizer que ela era negra. É uma tristeza e um passo para trás da nossa sociedade”, disse Terra ao G1. “O que a gente vê muitas vezes é um ato inconsequente de um adolescente e os pais não pensam nisso, não acompanham. Não acredito que ela seja racista sendo negra. É um juízo de valor que não podemos fazer, mas eu realmente acho.”

Apesar da confissão, a menina não foi detida, mas vai responder por ator infracional análogo ao crime de injúria racial. Ainda de acordo com o G1, ela é de Guarulhos e já fez injúrias raciais a Gabi Amarantos, além de já ter criado um perfil falso para ofender uma parente.

Assim que a Operação Gagliasso identificou os suspeitos na terça-feira (20/12), Bruno Gagliasso usou seu perfil oficial no Facebook para agradecer ao trabalho da Polícia Civil e comentar o caso:

bruno-gagliasso-caso-titi
Publicidade