Drake Bell, de Drake & Josh, é condenado por crimes contra menor de idade

A vítima chamou o artista de "pedófilo" e disse que ele é "um monstro e um perigo para as crianças"

Por Da Redação Atualizado em 13 jul 2021, 17h18 - Publicado em 13 jul 2021, 16h15
de um lado, o hidratante, o perfume e a máscara facial hello stars, dispostos lado a lado. De outro, as frases: Cada estrela é única, como você. Conheça a nova linha Hello Stars. Todos os elementos estão em um fundo azul escuro com estrelas que brilham
CAPRICHO/Divulgação

Drake Bell, ator e cantor conhecido por atuar na série Drake & Josh, foi condenado nesta terça-feira (13/7), após ser acusado de disseminar conteúdos inapropriados em conversa com menor de idade, que disse ter sofrido “danos irreparáveis”. Segundo informações do TMZ, o artista irá cumprir dois anos em liberdade condicional.

Na audiência virtual, o juiz declarou que Drake utilizou a própria fama para se aproveitar da vítima. “Sua posição e status de celebridade permitiram que você nutrisse essa relação. Você conseguiu ter acesso a essa criança e conseguiu ganhar a confiança dela. Espero que você esteja arrependido, eu não sei [se você está]”, disse. 

Drake, que já havia se declarado culpado, pediu desculpas pelo ocorrido, explicando que não era a sua intenção causar mal à vítima e nem a ninguém ao seu redor. “Aceito esse apelo porque minha conduta estava errada”, afirmou. A sentença do cantor será supervisionada na Califórnia. Ele também deverá cumprir 200 horas de serviço comunitário e está proibido de entrar em contato com a vítima.

  • Em seu depoimento, a jovem disse que começou a trocar mensagens com Bell em 2017, quando tinha 15 anos, como noticiou a People. Segundo ela, os conteúdos acabaram se “tornando sexuais” e rolaram até algumas fotos. A vítima também relatou que assistiu a um show do cantor e depois foi levada por ele até os bastidores, para que “ficassem sozinhos”. Sobre os efeitos que essa situação lhe causou, a vítima contou que ataques de pânico e pesadelos são frequentes após as agressões sexuais que sofreu. 

    “A única vez em que o réu compareceu ao tribunal pessoalmente foi em 3 de junho para sua acusação, antes que a mídia descobrisse sobre o caso. Ele apareceu no tribunal hoje por chamada de vídeo em vez de aparecer pessoalmente. Isso não me surpreende e mostra o covarde que ele é, mas eu não. Ele se aproveitou e abusou sexualmente de mim. Ele é um monstro e um perigo para as crianças. Jared Drake Bell é um pedófilo e esse é o seu legado”, disse. 

    A condenação de Drake ocorreu apenas pelas trocas de mensagens, em que foi divulgado material prejudicial a menores, e tentativa de colocar crianças em perigo, de acordo com o TMZ. 

    Entenda o caso

    Drake foi levado preso em 21 de maio deste ano, pela polícia de Cleveland, ao ter trocado mensagens inapropriadas, de natureza sexual, com uma menor de idade. O episódio teria acontecido em dezembro de 2017 e a vítima. O cantor alegou ser inocente e foi liberado sob fiança. Até que a vítima registrou um boletim de ocorrência no Canadá e as autoridades dos Estados Unidos foram acionadas.

    Continua após a publicidade
    Publicidade