CH Entrevista: DRIPPIN fala sobre futuro e seus vilões favoritos

O grupo conversou com a CH sobre o single ‘Villain’ e sua jornada de crescimento no k-pop

Por Gustavo Balducci 11 mar 2022, 17h18

DRIPPIN é mais um dos inúmeros artistas de k-pop lançados nos últimos dois anos. Mas em especial, o grupo da Woollim Entertainment composto por Yunseong, Hyeop, Changuk, Dongyun, Minseo, Junho e Alex, já provou que chegou para fazer a diferença na cena.

Após uma estreia bem sucedida em outubro de 2020 através do single Nostalgia, o septeto continua explorando conceitos inovadores e segue exibindo seu talento com muita maturidade. É o que se repete em Villain, hit lançado em janeiro deste ano que abraça o lado sombrio de cada um dos jovens, deixando para trás o pop colorido que marcou o início da carreira.

Com mais de 10 milhões de visualizações no YouTube, o single encabeça o terceiro mini álbum do grupo, que contém outras cinco faixas. “Esse conceito dark nos apresenta como vilões que possuem superpoderes. Também é um álbum que inaugura uma nova era do DRIPPIN e o começo do nosso próprio universo”, explica Hyeop, vocalista principal do grupo, em conversa exclusiva com a CH. Villain expressa a nossa paixão em seguir como vilões desta vez. O conceito é dinâmico e explosivo, mas com uma atração única que você não consegue odiar”, completa Alex.

Leia a seguir nosso bate-papo completo com os artistas:

CH: O videoclipe de Villain é uma produção cheia de efeitos visuais. Como foi o processo de criar esses personagens com superpoderes?

Minseo: Bom, quando eu era criança, costumava imaginar a ideia de ser um super-humano, mas com esse novo álbum eu realmente me tornei um, então parece que meu sonho virou realidade (risos).

Changuk: Eu me senti como um personagem desses filmes de super-heróis que eu adoro. Eu gostei especialmente de receber um poder que eu já queria ter antes.

CH: O final do videoclipe parece perfeito para ganhar uma sequência! Podemos esperar por uma segunda parte dessa história?

Dongyun: Há muitas histórias que vão continuar a partir disso, então eu quero que todo mundo possa esperar ansiosamente para assistir e curtir o que vem por aí.

Junho: Eu não posso contar os detalhes, mas pode-se dizer que vai haver um próximo episódio, certo? Mas é segredo (risos).

CH: Interessante. Vamos ficar de olho! Eu gostaria de saber se vocês têm um vilão favorito na cultura pop. Algum personagem de filme ou série de TV que também inspirou a criação do seu personagem para o videoclipe.

Yunseong: Como a ideia para Villain veio a partir do filme Coringa (2019), nós pesquisamos alguns aspectos legais e até mesmo sexy do personagem nos filmes e nos quadrinhos. Foi bem legal fazer isso.

Minseo: Eu fui bastante inspirado por Cruella (2021). Como o foco desse álbum era performar livremente, me inspirei na personagem e na sua forma de obter sucesso.

CH: E se vocês pudessem escolher um superpoder para ter na vida real, qual seria?

Changuk: Nossa! Eu gostaria de poder controlar o tempo ou me teletransportar para poder ter uma vida mais confortável (risos).

Dongyun: Eu gostaria de ter o poder de controlar a mente. Seria interessante.

Continua após a publicidade

CH: Vocês estrearam a pouco tempo no k-pop. Ainda guardam boas lembranças da época como trainee?

Hyeop: No natal de 2020, nós todos comemos churrasco juntos e, quando eu reflito sobre esse momento, vejo que foi um tempo muito precioso que eu passei com aqueles que eu confio e amo. Isso ainda faz meu coração vibrar!

Yunseong: No começo, éramos apenas eu, Changuk, Junho e Dongyun. Nós treinávamos até tarde da noite e depois íamos à escola de manhã. Durante esse período, as coisas foram um pouco cansativas, mas quando eu olho para trás, são boas memórias que eu vou guardar para a vida toda.

CH: Sobre o novo álbum, quais são as músicas favoritas de vocês?

Changuk: Villain ainda é a minha favorita, já que mostra perfeitamente o novo lado do grupo.

Alex: Minha favorita é a faixa Switch! Os vocais do Heyop iniciam a música já com muita energia e ela continua crescendo enquanto ganha uma vibe leve e animada. Acho que é por isso que ela é a minha favorita atualmente.

CH: Todas músicas e mvs lançados até agora pelo grupo contam histórias poderosas e falam sobre sonhos, desejos, nostalgia e amadurecimento. Que estilo e conceito vocês gostariam de explorar depois?

Yunseong: Eu gostaria de experimentar um conceito bem mais sexy e com muita classe, algo como jogar cartas de baralho e usar paletó, sabe?

Junho: Eu faria um conceito forte e adulto. Acho que seria interessante.

CH: Como vocês já devem imaginar, os fãs brasileiros estão ansiosos para conhecer o DRIPPIN um dia. O Brasil passou por momentos muito difíceis durante a pandemia, mas agora todos estão se vacinando e ficando mais seguros contra o vírus. Que mensagem vocês gostariam de deixar para eles?

Minseo: Dreamin brasileiro, aqui é o Minseo! Eu quero muito ir visitá-los em breve! Espero que a situação melhore logo para que possamos performar pessoalmente para vocês. Vamos nos divertir muito quando esse dia chegar. Sou eternamente grato por todo o carinho que recebemos do Brasil. Amo vocês!

Junho: Nós apreciamos muito o seu apoio, mesmo vocês estando tão distantes de nós. Esperamos vê-los em breve para compartilhar a nossa energia e amor!

CH: Então podemos esperar por um show do DRIPPIN aqui no Brasil?

Hyeop: Assim que tivermos a oportunidade, nós adoraríamos fazer um show no Brasil, pode ter certeza! Por favor, liguem para a nossa equipe!

Dongyun: Eu ouvi dizer que o Brasil é um país muito apaixonante, então eu espero ansiosamente para viver essa energia quando fizermos um show aí!

CH: Para finalizar, o que vocês esperam para o futuro do DRIPPIN?

Yunseong: Eu espero que em 2022 nós tenhamos mais oportunidades de estar com o nosso fandom Dreamin pessoalmente. Também quero obter bons resultados para retribuir todo esse amor que recebemos do público.

Donyun: Espero completar com sucesso o conceito e as promoções deste álbum!

Não deixe de acompanhar o grupo no Instagram e no Twitter.

Continua após a publicidade

Publicidade