Bridgerton: Phoebe Dynevor revela o pedido do diretor em cena quente

As cenas são muito intensas e a atriz disse que não foram nada fáceis de gravar

Por Vitória Macedo 28 jan 2021, 12h30

Bridgerton se tornou oficialmente a maior série da história da Netflix, atingindo 82 milhões de lares em suas primeiras quatro semanas desde o lançamento. Vários motivos fizeram a produção ser um sucesso, entre eles o charme incomparável do Duque de Hastings, interpretado por Regé-Jean Page e suas cenas quentes com Daphne Bridgerton, papel de Phoebe Dynevor. Quem vê pensa que elas são gravadas naturalmente, de tão forte que é a química entre os dois, mas a atriz revelou que não é bem assim, elas são desafiadoras, principalmente as em que estava sozinha.

  • Phoebe revelou, em entrevista à Glamour norte-americana, qual foi a orientação do diretor na cena de “sexo solo” de Daphne, que segundo ela foi a mais difícil de gravar. “[O diretor] disse que Daphne deveria ter um orgasmo”, comentou. 

    A atriz deu mais detalhes sobre as filmagens da cena que acontece no terceiro episódio, logo após Simon Basset encorajar o “diamante” da temporada à se masturbar. “As instruções [da cena] são muito específicas: você tem que ter um orgasmo. É uma coisa difícil de ensaiar, o que significa que você não ensaia. Você apenas faz”, disse Phoebe. “Isso [o fato de ser difícil] diz algo [sobre a série] porque havia muitas cenas difíceis de filmar. Você se sente muito vulnerável nessas cenas”, revelou. 

    Todo esse momento acontece quando a inexperiente Daphne tem o seu despertar sexual, antes da fase mais quente com Simon. Ela precisa se tocar e conhecer os seus próprios desejos. “Não há muita sexualidade lá. É muito mais o olhar masculino”, comentou a atriz. “Eu queria fazer [minha personagem] se sentir moderna e ter desejos sexuais como as mulheres fazem, e ter muita coisa acontecendo que não é superficial”. Realmente é uma cena muito intensa.

    Continua após a publicidade

    Phoebe ainda revelou que as cenas solos em frente às câmeras foram mais difíceis do que as com Regé, pois não foram nada ensaiadas. “Fizemos as cenas íntimas como acrobacias – nós as ensaiamos, então você tem bolas de ioga entre vocês e todo o tipo de coisa que nunca faz você se sentir exposto de forma alguma. Você sempre se sente seguro. Eu ensaiava tanto com Regé que ambos sabíamos o que estávamos fazendo. Parecia muito prático. Mas, sozinha, é uma coisa diferente”, assentiu.

    A química e tal veracidade das cenas é graças à coordenadora de intimidade da produção, Lizzy Talbot, que sempre fez Phoebe se sentir segura e confortável no set. “Eu sempre volto ao fato de que Lizzy estava no set para aquela cena. Se não tivéssemos um coordenador de intimidade, seria o nosso diretor, que era homem, vindo até mim e me dizendo o que fazer. Isso teria sido estranhou”, confessou a atriz.

    Ela reforçou a segurança que sentia com a coordenadora. “Eu me sentia tão segura em saber que Lizzy estava lá, então se algo desse errado ou o diretor quisesse algo diferente, ele poderia falar com ela primeiro”, disse a atriz e acrescentou: “Acho que teria sido uma experiência muito difícil e Lizzy não estivesse no set me protegendo e cuidando de mim. Ninguém quer que um homem te diga como chegar ao orgasmo”. Falou tudo! 

    E claro que ela não deixou de elogiar o parceiro de filmagens, que foi importante para ela se sentir confiante. “Ele era o Simon perfeito. Ele é muito educado e cavalheiro e todas as coisas que Simon é…. bem, Simon é muito mais do que cavalheiro e educado. Mas Regé definitivamente tinha aquela compostura de um homem da Regência. Eu vi imediatamente”, disse a atriz. “Acho que trabalhamos muito bem juntos e aprendi muito com ele. Temos estilos de atuação diferentes, então nos diferenciamos nesse aspecto. Nós dois estávamos na mesma página sobre os personagens e como era seu relacionamento. Adorei trabalhar com ele”, afirmou. 

    A segunda temporada de Bridgerton foi anunciada na semana passada e estamos muito animadas para sermos ainda mais surpreendidas pela produção da Shondaland. Terá muito Anthony vindo aí!  

    Continua após a publicidade
    Publicidade