Bianca Andrade sobre processo da Globo: “Não sou esse tipo de pessoa”

A emissora pediu indenização de meio milhão de reais para a empresária por acreditar que ela agiu de má fé ao quebrar o contrato do BBB20

Por Amábile Reis Atualizado em 24 jul 2020, 20h15 - Publicado em 24 jul 2020, 13h03
Bianca Andrade @bianca/Instagram

Nesta sexta-feira (24/7), o Notícias Da TV revelou com exclusividade que Bianca Andrade estaria sendo processada pela Globo. A empresária teria quebrado o contrato feito com a emissora para o Big Brother Brasil ao não contar para a produção do programa que gravou o reality show Soltos Em Floripa, da Prime Video. De acordo com o documento, Bianca não poderia aparecer em outros veículos concorrentes até 30 de abril. Acontece que a atração do serviço de streaming da Amazon estreou em 20 de março.

Por isso, segundo o veículo, os advogados acreditam que a influenciadora agiu de má-fé ao omitir essa informação tão importante e estariam solicitando na Justiça uma indenização de R$ 500 mil. Boca Rosa quebrou o silêncio e falou ao site Hugo Gloss sobre o assunto. Vem ver!

Ela explicou que todas as questões jurídicas já estão sendo resolvidas e que está comprometida a tirar a limpo a história. “Eu recebi a notícia com grande surpresa. Eu nunca adotaria uma estratégia para estar em dois programas ao mesmo tempo, não vejo benefícios e não sou esse tipo de pessoa“, comentou.

Bianca continuou: “O contrato com a Amazon foi assinado antes do acordo com a TV Globo. E, na época, pela interpretação da minha equipe pessoal, os dois não conflitavam entre si. Todos sabem que eu vim da internet e minha equipe era bastante reduzida. Só quando eu saí do BBB, um programa que amei ter feito, eu percebi que precisava aumentar de tamanho, contratando uma estrutura maior e com profissionais responsáveis por setores jurídico, assessoria de imprensa e empresariamento artístico. Depois, com uma equipe maior e devidamente estruturada, fiz questão de entrar em contato com as duas empresas para esclarecer qualquer dúvida e pensei que ambas tivessem compreendido todo o contexto. Ressalto que cumpri o contrato da TV Globo em sua integralidade, inclusive indo até a final do programa no dia 27 de abril. Mas estou totalmente disposta a resolver esse problema. Não quero ficar mal com ninguém e nem deixar que pensem que foi algum tipo de estratégia. Isso não tem cabimento. Vou encarar de frente e aprender com isso, como mulheres fortes sempre fazem na vida”, ressaltou.

E aí, o que você achou de tudo isso?

Continua após a publicidade

Publicidade