BBB20: Pyong hipnotiza colegas de confinamento e alguns criticam atitude

Guilherme, por exemplo, criticou Gabi por assistir à sessão dos colegas

Por Gabriela Zocchi Atualizado em 3 mar 2020, 13h25 - Publicado em 3 mar 2020, 12h54

Na madrugada desta terça-feira (3), Pyong Lee decidiu fazer a alegria dos colegas de confinamento e finalmente promoveu uma sessão de hipnose dentro da casa do BBB20Rafa Kalimann, Thelma, Ivy e Prior se voluntariaram para serem hipnotizados, enquanto Manu Gavassi, Marcela, Gizelly, Gabi Martins e Daniel fizeram as vezes de público.

  • Depois de um longo processo de preparação, o influencer conseguiu fazer com que Rafa risse de tudo o que visse, que Prior sentisse cheiros ruins e ficasse meio bêbado mesmo sem álcool, que Thelma sentisse uma beliscada no bumbum do nada e que Ivy e os colegas esquecessem seus próprios nomes. QUÊ?!

    Continua após a publicidade

    Continua após a publicidade

    Em seguida, Pyong resolveu acessar as emoções dos brothers e fez com que Rafa, por exemplo, gargalhasse quando ele apertasse sua mão direita e chorasse quando eles dessem a mão esquerda. “O subconsciente tem emoções. A gente consegue ativar como se fosse um gatilho de felicidade, aí vem tristeza, vem raiva… Dá pra controlar isso usando a hipnose”, explicou ele.

    Continua após a publicidade

    Na maior zoeira, Pyong ainda fez com que Ivy acreditasse que Manu era o Tiago Leifert, que havia entrado na casa só para presenteá-la. Hahaha.

    Continua após a publicidade

    Mas a parte mais emocionante mesmo foi quando ele fez com que a mineira visse seu filho, Luís Miguel, no lugar de Gabi. Nem precisa dizer que todo mundo chorou com esse momento, né?

    Continua após a publicidade

    O OUTRO LADO CRITICOU

    Apesar da hipnose ter agradado tanto alguns brothers quanto os fãs do programa, teve gente dentro do Big Brother Brasil que não curtiu muito… Victor Hugo, por exemplo, achou que tudo foi parte de um exibicionismo de Pyong, que estaria tentando ficar mais tempo no reality. “Ele fica mostrando que dá para resolver as coisas com duas, três sessões. Não concordo eticamente”, disse. “Ele coloca esperança em pessoas que estão dependendo da cura da depressão num programa desse, dessa maneira exibicionista? É bizarro e irresponsável”, declarou o psicólogo.

    Continua após a publicidade

    Mari Gonzalez então se juntou a ele e a Guilherme no jardim e contou para o modelo que Gabi estava no meio da sessão. “Póis é, eu não gostei”, disse ele. Mais tarde, durante uma conversa com a namorada, o boy a repreendeu mais uma vez: “Eu falei assim: ‘Acho isso ridículo. E quem está aplaudindo também’. Estou prestes a sair e ela fica lá com o cara que está disputando o paredão comigo?'”, contou aos colegas.

    Continua após a publicidade

    Até Prior, que é best desse lado do grupo, foi criticado. “Você já mostrou que paga pau pra ele”, acusou Flayslane. “Só por que eu fui ver o cara fazer as coisas dele? Quero conhecer”, declarou o arquiteto.

    Continua após a publicidade
    Publicidade