Anitta pede desculpas por comentário polêmico sobre hanseníase

A cantora disse que não convidava "gente hanseníase" ao seu programa, mas se referia a pessoas por quem ela tem ~ranço~

Por Da Redação 13 abr 2018, 19h03

Anitta se envolveu numa pequena polêmica nesta semana. Na terça-feira (9), durante o seu programa na Multishow, o Anitta Entrou no Grupo, a cantora fez um comentário que rendeu muitas críticas. “Eu só convido gente que eu amo, não convido gente hanseníase”, disse, ao vivo.

Acontece que hanseníase é uma doença infecciosa séria causada por uma bactéria que lesiona os nervos e diminui a sensibilidade da pele, podendo levar a sérias incapacidades físicas. Após o programa, o Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan) criou uma petição online pedindo uma retratação da cantora.

“Anitta fez uma declaração lamentável, tentando ‘causar’ reafirmando um preconceito infundado contra pessoas atingidas pela doença. Anitta não sabe, porque o desconhecimento de fato é o principal obstáculo à superação da hanseníase no Brasil, mas a cada ano 35 mil novos casos são diagnosticados no país, tornando o Brasil o campeão mundial em novos casos proporcionais da doença”, escreveu o orgão.

Continua após a publicidade
  •  

    Após a polêmica, a cantora pediu desculpas por seu descuido com as palavras e explicou que se referia à palavra “ranço”.

    “Galera, no último Anitta Entrou no Grupo eu errei ao dizer ‘pessoa hanseníase’ em vez de dizer pessoas que tenho ranço.
    Me expressei mal e posso ter ofendido alguém. Gostaria de pedir desculpas por isso e me retratar aqui. Além disso, (quero) reforçar que hanseníase é coisa séria e atinge muitas pessoas pelo mundo. Caso você queira apoiar, assim como eu, as pessoas com hanseníase, vou deixar aqui uma sugestão de link, tá?”, escreveu, compartilhando a página do Cadastro de Voluntários Remob, rede de voluntários do Morhan.

    O que você achou desta história?

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade