7 razões para ler Ainda Sou Eu, o novo livro de Jojo Moyes

O terceiro livro da série Como Eu Era Antes de Você vai te fazer se apaixonar mais uma vez por Louisa Clark - e por si mesma!

Por Gabriela Zocchi Atualizado em 26 jan 2018, 18h44 - Publicado em 26 jan 2018, 15h11
Promoção CAPRICHO Volta às Aulas 2018
Divulgação/CAPRICHO

Ainda Sou Eu, o terceiro livro da série Como Eu Era Antes de Você, da Jojo Moyes, só chega às livrarias brasileiras em 8 de fevereiro, mas a CAPRICHO recebeu a obra em primeira mão e avisa: você vai se apaixonar pela nova história de Louisa Clark.

Intrínseca/Reprodução

Primeiramente, vamos a um breve resuminho do que rola nesse livro:

(ATENÇÃO!  CONTÉM SPOILERS DE COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ E DEPOIS DE VOCÊ)

Depois de perder o amor da sua vida em Como Eu Era Antes de Você e encontrar uma nova chance no paramédico Sam em Depois de Você, Lou está pronta para embarcar em mais uma aventura, daquelas que Will Traynor a incentivava a buscar, agora em Nova York. É que ela conseguiu o emprego de assistente da nova esposa de um importante empresário americano, Leonard Gopnik, que vive no Upper East Side. Acontece que a Sra. Gopnik, uma ex-massagista polonesa, não consegue se encaixar na família e na vida de eventos luxuosos do marido e, embora ela alegue ser amiga de Louisa, a garota logo vai perceber que existe uma linha fina entre amizade verdadeira e relacionamentos com seus patrões.

nova-york-times-square
Pronta para viajar á Nova York com Louisa Clark? GIF/Reprodução

Além disso, com a distância, o namoro de Lou e Sam fica abalado, uma vez que ela sente ciúme da nova colega de trabalho do boy e ele não encara bem a aproximação da namorada com um jovem americano que é a cara de Will. Enfrentando tantas dificuldades longe de casa, Lou terá que repensar o que ela quer da vida e quem realmente é.

  • Ficou curiosa, né? Agora, vamos aos motivos pelos quais você vai curtir muito essa história:

    1. A antiga Louisa Clark está de volta

    Uma das grandes críticas sobre Depois de Você era a que Lou tinha perdido sua essência após a morte de Will, e por isso aquela personagem alegre e doidinha por quem a gente tinha se apaixonado no primeiro livro não estava mais lá. A boa notícia é: a velha Louisa Clark está de volta! Empolgada com sua nova vida em Nova York, a personagem de Jojo Moyes volta a falar mais do que deveria, a se atrapalhar com os deveres, a fazer piadinhas nos momentos constrangedores e – o mais importante – a usar suas roupas coloridas e espalhafatosas que a faziam tão única.

    como-eu-era-antes-de-voce
    Como estamos nos sentindo nesse momento? Warner Bros./Reprodução

    2. Nova York é sempre uma boa ideia

    Fala sério, quem nunca sonhou em conhecer a Big Apple? O fato do terceiro livro da série Como Eu Era Antes de Você acontecer em Nova York traz novos ares à saga, e a gente fica sonhando com lugares incríveis como o Central Park – onde, acredite, Louisa corre todas as manhãs (Patrick ficaria orgulhoso) – ou a Times Square. Ah, e como Lou agora trabalha com os Gopnik, uma família riquíssima, a gente também tem a chance de viajar a eventos e apartamentos superluxuosos, que provavelmente não conheceríamos nem se tivéssemos a chance de visitar a cidade um dia.

    3. Will se faz mais presente

    Se em Depois de Você Lou não conseguia pensar em Will que já tinha vontade de chorar, agora ela parece assimilar um pouco melhor o fato dele ter ido embora para sempre e guardou, consigo, somente as coisas boas que aprendeu com ele. Por isso, a gente pode matar a saudade do personagem através das lembranças de Lou e de cartas escritas por ele na época em que viveu em Nova York, compartilhadas com Louisa pela Sra. Traynor. <3

    Continua após a publicidade
    como-eu-era-antes-de-voce-carta-paris
    Cartas de Will? Temos mais em Ainda Sou Eu! Warner Bros./Reprodução

    4. Conhecemos um novo lado de Sam

    Vocês também sentiam que o lance de Lou com o Sam era muito ~carnal~? Pois bem, em Ainda Sou Eu, Lou e Sam estão tentando fazer o relacionamento, que começou meio abruptamente, dar certo à distância, e por isso vamos descobrir novas facetas dele. “São elas boas ou más?”, você deve estar se perguntando. Aí vai ter que ler o livro para saber… #nospoilers

    5. Aprendemos a dar mais valor aos velhinhos

    Quando somos jovens, muitas vezes não temos paciência para lidar com as pessoas de mais idade, mas Ainda Sou Eu faz a gente relembrar que idosos têm histórias incríveis para contar e que também precisam de atenção e carinho. Neste livro, conhecemos melhor a relação de Lou com seu avô, que está bem doentinho na Inglaterra, e nos surpreendemos com as doideiras da senhora De Witt, uma velhinha ranzinza que mora no mesmo prédio que os novos patrões da garota, e cuja vida parece girar completamente em torno de um pug vesgo chamado Dean Martin, que adora fugir de casa e usar capinhas de chuva. Já podemos declará-lo nosso personagem preferido?

    como-eu-era-antes-de-voce-treena-lou
    Treena e Lou, melhores irmãs Warner Bros./Reprodução

    6. Treena encontra o amor

    Se você também adorava acompanhar os momentos de amor e ódio entre Lou e sua irmã, prepare-se porque vem novidade por aí! Treena agora encontrou um novo amor, e está toda diferente, sendo simpática com todo mundo, se arrumando para sair de casa, cantarolando pelo apartamento e até entendendo melhor os dilemas da irmã. Mas a revelação de quem mudou tanto a vida dela pode ser surpreendente!

    7. O importante é ser você mesma!

    Como dá pra sacar pelo título do livro, a mensagem principal da nova obra de Jojo Moyes é a de que a gente tem que se importar menos com o que os outros pensam de nós, ou querem que a gente faça, para seguir os próprios sonhos e ser quem realmente somos. Tem algo melhor do que isso?

    como-eu-era-antes-de-voce-louisa-clark
    Warner Bros./Reprodução

    BÔNUS: DO QUE SENTIMOS FALTA?

    Lily, a filha que Will nunca soube que teve e que nos marcou tanto no segundo livro da saga, mal aparece na sequência de Depois de Você. Quer dizer, ela até troca algumas mensagens com Lou e tem um papel fundamental mais pro final da história, mas gostaríamos de ter acompanhado mais de perto suas estripulias na casa da avó – e as histórias sobre seu novo namorado. Hummm…

    Continua após a publicidade
    Publicidade