Neymar fala sobre acusação de estupro e expõe conversas de WhatsApp | Capricho

Neymar fala sobre acusação de estupro e expõe conversas de WhatsApp

"Espero que a Justiça olhe as mensagens e veja o que realmente aconteceu", declarou o atacante.

Por Isabella Otto Atualizado em 3 jun 2019, 11h02 - Publicado em 2 jun 2019, 09h52

Na noite da última sexta-feira, 31, um boletim de ocorrência foi feito na 6ª DP de Santo Amaro, em São Paulo. A vítima acusa Neymar Jr. de estupro. O documento veio à tona no sábado e a notícia logo se espalhou pelo Brasil e pelo mundo. No final da tarde do dia 1º, o pai do jogador de futebol participou do programa Brasil Urgente, da Band, e desmentiu as acusações de que o filho teria estuprado uma moça em Paris. De acordo com ele, o sexo foi consentido e tudo não passa de uma armadilha.

Reprodução/Reprodução

Em entrevista, o pai do atacante disse: “já que ela decidiu expor o Neymar dessa forma, no futuro, podemos fazer o mesmo(…) Se a gente tiver que expor as conversas de WhatsApp entre o Neymar e essa moça, isso será feio”; e realmente foi. Neymar usou o Instagram para falar pela primeira vez sobre a acusação de estupro. “Fui pego de surpresa. Foi muito ruim e muito triste(…) Quem me conhece sabe do meu caráter, da minha índole, e que eu jamais faria isso”, desabafou o jogador.

Neymar disse que decidiu expor as mensagens trocadas com a mulher que o acusou porque “é necessário para provar que realmente não aconteceu nada”. O ídolo mundial entende que seu nome tem um peso muito grande e que qualquer notícia relacionada a ele viraliza a uma velocidade descontrolada. Exatamente por isso, ele decidiu já se pronunciar e mostrar as provas de que, segundo ele, a moça só está tentando o extorquir.

  • Em vídeo publicado no IGTV, Neymar ainda conta que o que rolou “foi uma relação de homem e mulher, algo que aconteceu entre quatro paredes(…) No dia seguinte, continuamos trocando mensagens. Ela me pediu uma lembrança para o filho e eu ia levar(…) Isso não magoa só a mim, mas a toda a minha família(…) Eu fui criado muito bem e estar exposto a isso é muito ruim, eu estou muito chateado, mas eu tenho que provar a verdade(…) É muito triste acreditar que existem pessoas que querem se aproveitar de outras(…) Espero que a Justiça olhe as mensagens e veja o que realmente aconteceu“.

    Nos prints abaixo, divulgados pelo próprio jogador, dá para ver que tudo realmente aconteceu como a jovem relatou à polícia: Neymar pagou a viagem para ela e chegou ao quarto já visivelmente bêbado. Depois disso, as versões da história ficam diferentes. A vítima diz que, apesar de eles terem começado a trocar carícias, Neymar teria utilizado de força física para consumir o ato. O atacante, em contrapartida, diz que não foi nada disso e que eles até conversaram no dia seguinte sobre transar novamente, como mostram as conversas trocadas no aplicativo.

    IGTV/Reprodução

    Confira mais algumas partes da conversa abaixo:

    IGTV/Reprodução

    A Justiça segue avaliando o caso. O pai do jogador da Seleção Brasileira de Futebol afirma que pode processar a mulher em questão por calúnia e danos morais. Parceiros de Seleção, como Gabriel Jesus, mandaram mensagens de apoio para o jogador na rede social. 

    https://www.instagram.com/p/ByMOW-fgicq/

    Continua após a publicidade
    Publicidade