Estupro de jovem é transmitido em live do Facebook

A transmissão só foi encerrada três horas depois, quando a polícia chegou ao local.

Por Marcela Bonafé - Atualizado em 24 jan 2017, 19h13 - Publicado em 24 jan 2017, 17h30

No último sábado, uma jovem que não teve a identidade divulgada foi estuprada por três homens em Uppsala, na Suécia. Como se a situação não fosse desumana o suficiente, eles fizeram uma transmissão ao vivo em um grupo fechado do Facebook mostrando o momento em que a violentavam.

Além do abuso sexual, a garota ainda foi agredida e quase chegou a perder a consciência. E se você acha que não poderia ficar pior, o grupo exibia armas de fogo e sorria durante a transmissão, como se tudo aquilo acontecendo ali fosse muito legal.

16237865_10154123145560264_1177145595_n

A live só foi desligada três horas depois, quando uma mulher de 21 anos chamada Josefine Lundgren viu a transmissão e ligou imediatamente para a polícia. As autoridades conseguiram rastrear os criminosos por meio da rede social e, ao chegar o local, eles resgataram a jovem e prenderam os responsáveis.

16244393_10154123145555264_418112265_n

Sequestro, estupro e colocação de pessoa em cárcere privado são os prováveis crimes pelos quais os três homens irão responder, de acordo com o tabloide Aftonbladet. Até o momento, sabe-se que um deles (o que aparece de óculos na foto acima) tem 24 anos. A polícia está investigando o caso e analisando o apartamento onde o horror aconteceu.

Depois que o episódio foi noticiado pela mídia sueca, Josefine começou a receber diversas mensagens e pedidos de entrevista para falar sobre o ocorrido. Em resposta ao alvoroço, ela indagou no Facebook: “Parem de especular sobre quem é essa garota. Você acha que é divertido para ela ver fotos e vídeos de ela sendo estuprada no seu feed do Facebook?“.

Mais um daqueles casos que nos deixam sem palavras. É doentio, monstruoso e nada justifica. 

volta-as-aulas

Continua após a publicidade
Publicidade