Blog da Galera: muito obrigada, Bruna Vieira, por já ter me ajudado tanto

A Júlia Uchôa, da Galera CH, dedica esse texto à Bruna Vieira, uma de suas inspirações de vida

Por Da Redação Atualizado em 5 ago 2019, 19h59 - Publicado em 5 ago 2019, 16h12

Oi, gente! Tudo bom? Júlia Uchôa por aqui. Eu conheci a Bruna Vieira em uma das minhas vasculhadas no site da CAPRICHO. Foi aqui também que conheci a Giovanna Ferrarezi e a Manu Gavassi. A CH sempre foi um espaço em que eu aprendi sobre moda, beleza e em que conheci todas essas meninas incríveis e cheias de histórias para compartilhar. A Bruna, em especial, me cativou assim que me dei a chance de conhecê-la melhor, com os cabelos longos escuros, batom vermelho à la Taylor Swift e um coração cheio de poesia.

Reprodução/Reprodução

A Bru nasceu em Leopoldina, uma cidade que fica no interior do estado de Minas Gerais. Aos 15 anos, após levar um fora do boy, ao invés de apenas derramar algumas lágrimas, ela ergueu a cabeça e transformou todas as suas vivências em nada mais, nada menos, que seu blog, chamado Depois dos Quinze. Ela também publicou diversos livros depois do start.

Nessa época, os blogs eram tudo para mim e o Depois dos Quinze era o que eu precisava para me sentir acolhida: lindo, tanto visualmente quanto de conteúdo. Sério, há uns anos, os blogs eram a fonte de cultura teen mais legal que tinha no pedaço! Desde então, passei a acompanhar a Bruna. Eu devia ter uns 12 anos e até hoje sou uma seguidora fiel que ama ver os Stories dela dançando com roupa de academia na frente do espelho. Hoje, a taurina que ama matchá vive em São Paulo com seus dois “doguinhos”, Berry e Ella, é dona de lindos cachos ruivos no estilo Merida e tem mais de um milhão de seguidores na sua conta do Instagram.

  • A Bruna compartilha seu dia a dia nas redes, como sua rotina de exercícios. Ela sempre diz que é bom aprender coisas novas e que, se você está a fim de começar algo novo, você tem a força necessária para isso. Ela também passou pelo processo de transição capilar, como a Kéfera e mais recentemente a Maisa. A transição é muito mais que apenas voltar aos fios naturais. É também uma fase de (re)descobrimento, de construção da autoestima, e se é isso que você quer, vai fundo e solta o cabelo, amiga! Tem muito conteúdo massa sobre o assunto no canal da Bruna no YouTube. Nele, você também encontra papos sobre autoestima, dicas de beleza e muitos vlogs de viagem, porque a mineira tem o passaporte megacarimbado.

    Reprodução/Reprodução

    Ela morou um tempo no local mais vibe The O.C. que existe, a Califórnia! É um dos lugares favoritos da Bru no mundo, e, depois de sua vinda para o Brasil, desenvolveu junto com a empresa Visit California um projeto chamado Minha Califórnia, em que leva convidados que são digitais influencers para conhecer os cantinhos da Califa que ela mais ama.

    Ufa, até fiquei parecendo assessora da Bruna, né? (risos) Mas decidi escrever este post, porque, além de ser importante dar visibilidade para mulheres incríveis, a Bruna Vieira esteve comigo durante meu crescimento, essa fase mágica e intensa que chamamos de adolescência, e até hoje me sinto muito bem em vê-la crescendo e realizando seus sonhos, assim como eu e tantas meninas desejamos realizar. Já pode me passar o roteiro porque sua vida dá um filme, Bru! Obrigada por tanto. E pensar que te conheci aqui, onde estou agora… <3

    Beijos,
    @juliauchoabraga

    Continua após a publicidade
    Publicidade