#BlackLivesMatter: “Não tive opção, o racismo invadiu a minha vida”

O relato de sete meninas sobre o racismo e a luta antirracista: "Quando a gente olha para as instituições é pior ainda. Ninguém quer assumir essa culpa"

Por Da Redação Atualizado em 19 jun 2020, 12h37 - Publicado em 15 jun 2020, 17h14

Pedimos para a MC Soffia, a Stefanie Eze, a Marcella Araújo, a Aniké Pellegrini, a Hemili Thamiris, a Laura Albiero e a Ana Carolina Pinheiro falarem sobre racismo e a luta antirracista que tomou as redes sociais nos últimos dias: “Parece que, pra muita gente, os movimentos antirracistas nasceram agora, quando isso não é uma verdade”, falou a jornalista Ana. “Nossa luta sempre existiu, desde a época dos Panteras Negras nós estamos lutando”, pontuou a MC Soffia. A estudante Hemili completou: “Eu não tive a opção de enxergar ou não o racismo, ele simplesmente invadiu a minha vida”. Para Stefanie, não tem discussão: “Pessoa brancas também deveriam estudar sobre a história preta para elas terem consciência do seu privilégio”. É preciso mover a estrutura.

  • Confira abaixo o vídeo completo com os relatos das meninas:

    View this post on Instagram

    Assista ao relato de @mcsoffia, @stefanineeze, @marcellax__, @keke_bp, @lindaaonatural_, @anacarolipa e @lauraalbiero sobre racismo e movimentos antirracistas.

    A post shared by CAPRICHO (@capricho) on

    Continua após a publicidade
    Publicidade