Millie Bobby Brown conta como ficar careca a influenciou a criar makes

"As coisas que as pessoas pensam sobre você são malucas", falou a atriz sobre a época em que raspou o cabelo

Por Da Redação - 2 set 2019, 12h56

Quando raspou o cabelo pela primeira vez, para viver a Eleven de Stranger Things, Millie Bobby Brown tinha 12 anos. Bem novinha, né? De lá pra cá, a personagem e a atriz mudaram muito. Mas a transformação que aconteceu anos atrás a marcou bastante – e a influenciou, inclusive, a criar sua marca de beleza, a Florence by Mills.

millie-bobby-brown-marca-de-beleza
Millie Bobby Brown na campanha da Florence by Mills Foto/Divulgação

Em entrevista ao PopSugar, a adolescente contou que, naquela, época, se maquiar era uma ferramenta para mostrar sua feminilidade. “Garotas podem sentir que seu cabelo define quem elas são, só que para mim não era assim. A maquiagem também não me define, mas era algo que eu queria para dar um ‘tchan’ em mim, para me sentir bem. Então eu a usei, sabendo que provavelmente seria ruim nisso, que não ia me sair bem, mas fiz porque queria me sentir bem comigo mesma”, explicou.

View this post on Instagram

so here it is, florence by mills. literally the love of my life, i cant begin to explain the love i have for this and how hard but crazy excited i was to create it. 2 years of creating a beauty and skincare brand jeez… that's a long time to keep a secret but now i can finally share the news with u all !! thanks for all the love and support you guys give me every single day, ohhh and also follow @florencebymills ily ♡

Continua após a publicidade

A post shared by mills (@milliebobbybrown) on

De lá para cá, os batons, sobretudo os vermelhos, tornaram-se seus queridinhos. Embora já tenha afirmado em outras conversas que ficar careca foi um dos momentos mais empoderadores de sua vida, a atriz ressaltou o quanto conviver com a escolha foi difícil, sobretudo por causa das opiniões da sociedade. “As coisas que as pessoas pensam sobre você são malucas. Sempre fui julgada pelo que potencialmente teria acontecido comigo, quando não importa o que aconteceu comigo”, comentou.

“Por muito tempo, fiquei sentada em uma cadeira de maquiagem em que não conseguia me expressar através da beleza, porque não havia nada realmente pra mim e para minha pele. Percebi que não havia nada que eu sentisse que funcionava para mim”, disse. Para Millie, era essencial que pessoas jovens tivessem a chance de testar produtos de pele de qualidade e que as deixassem confortáveis. Por isso o desenvolvimento de uma linha de skincare dentro da marca também.

Continua após a publicidade

A Florence by Mills, vale lembrar, é inteira vegana. Que ela tenha muito sucesso com a nova empreitada!

Publicidade