Continua após publicidade

Como saber se o protetor solar está realmente protegendo a sua pele

A gente tira as suas dúvidas sobre o assunto de uma vez por todas.

Por Maki de Mingo, especial para a CAPRICHO Atualizado em 9 out 2023, 16h29 - Publicado em 10 out 2023, 06h00

O uso de protetor solar é um dos pilares essenciais para manter uma pele saudável e protegida contra os danos causados pelos raios UV. Mas uma pergunta frequente é se é melhor usar o produto com cor ou sem cor e como saber se ele está realmente protegendo a sua pele.

Será que essa adição de pigmento realmente oferece uma proteção extra? Até quantos FPS posso usar? Vamos explorar e descobrir a verdade por trás dessas questões, vem com a gente.

É melhor usar protetor solar com cor ou sem cor?

Primeiro, vamos alinhar uma coisa: tanto o protetor solar com cor quanto o sem cor podem oferecer proteção eficaz contra os raios UV prejudiciais. A escolha entre eles depende, geralmente, das preferências pessoais e das necessidades da pele.

Se você é do time prática, usar um protetor solar com cor pode facilitar o dia a dia, uniformizar o tom da pele e agilizar a maquiagem da manhã. Se prefere fazer uma rotina de skincare + maquiagem completa, o protetor incolor pode ser a melhor opção para você. 

O protetor solar com cor protege mais?

A ideia de que o protetor solar com cor oferece uma proteção maior é parcialmente verdadeira, mas pede uma explicação mais detalhada. Os protetores solares com cor geralmente têm ingredientes ativos que oferecem proteção física adicional contra os raios UV, como óxido de zinco e dióxido de titânio. Traduzindo, esses ingredientes que colaboram para a camada de cor atuam como uma barreira extra refletindo os raios UV para longe da pele.

Continua após a publicidade

Porém, é importante lembrar que o fator de proteção solar (FPS) é o principal determinante da eficácia do protetor, independentemente de ter ou não cor. Se um protetor solar sem cor tiver um FPS mais alto do que um protetor solar com cor, o primeiro vai oferecer uma proteção maior.

Como saber se o protetor solar está protegendo?

Protetor solar nas mãos e punhos
Protetor solar nas mãos e punhos Getty Images/Getty Images

Independentemente de optar pelo protetor solar com cor ou sem cor, é crucial saber se o produto está protegendo adequadamente a sua pele. Aqui estão algumas dicas:

  • Escolha um protetor solar de amplo espectro: Certifique-se de que o protetor solar protege contra os raios UVA e UVB. Isso é indicado na embalagem como “amplo espectro”.
  • Verifique o FPS: Escolha um protetor solar com um FPS adequado para a sua pele e a situação. Um FPS mais alto oferece uma proteção mais robusta.
  • Aplique corretamente: Aplique uma quantidade suficiente de protetor solar em todas as áreas expostas da pele. A aplicação insuficiente pode reduzir a eficácia da proteção.
  • Reaplique regularmente: O protetor solar deve ser reaplicado a cada duas horas, ou mais frequentemente se estiver nadando ou suando.

Quando aplicar o protetor solar sem cor?

Garota em frente ao espelho passando protetor solar no rosto com uma das mãos
Protetor solar Getty Images/Getty Images

O protetor solar sem cor é uma excelente escolha para uso diário, especialmente quando você não deseja alterar a aparência da sua maquiagem ou simplesmente prefere um produto mais leve e sem resíduos visíveis. Ele é ideal para a proteção básica contra os raios UV durante atividades cotidianas.

Continua após a publicidade

Quando aplicar o protetor solar com cor?

O protetor solar com cor é uma ótima opção para quem busca uma proteção extra, especialmente em situações em que a exposição ao sol é mais intensa. Isso inclui dias ensolarados ao ar livre, quando você está praticando esportes ou participando de eventos sob o sol escaldante.

A cor presente no protetor solar com cor também pode proporcionar alguma cobertura adicional, o que pode ser benéfico se você deseja esconder imperfeições ou uniformizar o tom da pele sem aplicar uma base. É uma escolha popular para quem prefere um visual maquiado mesmo sob o sol forte.

Em resumo…

garota na praia sob um guarda sol
Acervo/Dedoc

Em última análise, a escolha entre o protetor solar com cor e sem cor depende das suas preferências pessoais e das necessidades da sua pele. Ambos podem oferecer proteção eficaz contra os raios UV prejudiciais, desde que você selecione um produto de qualidade, aplique-o adequadamente e o reaplique conforme necessário. 

Lembre-se de que o FPS e a ampla proteção espectral são os principais fatores a serem considerados ao escolher um protetor solar, independentemente de ele ter ou não cor. Portanto, escolha aquele que melhor atenda às suas necessidades e aproveite os benefícios de uma pele saudável e protegida sob o sol.

Continua após a publicidade

Publicidade