Anitta odiou resultado de plásticas e quase entrou em depressão, diz livro

De acordo com a biografia não-autorizada da cantora feita pelo jornalista Leo Dias, ela teria gastado R$ 20 mil com as cirurgias

Por Da Redação Atualizado em 28 mar 2019, 18h21 - Publicado em 28 mar 2019, 18h19

Furacão Anitta, a biografia não-autorizada da cantora escrita pelo jornalista Leo Dias, está dando o que falar! De acordo com o livro, ela teria quase entrado em depressão no início da carreira, depois de fazer algumas cirurgias plásticas e não gostar do resultado delas.

anitta
Anitta Instagram/Reprodução
  • Na época, a cantora supostamente gastou R$ 20 mil nos procedimentos. O autor conta que o nariz de Anitta ficou “destruído” e seus seios ficaram em carne viva por semanas. “As marcas nos seios eram tão feias que a cantora passou a ter vergonha de se olhar no espelho e quase entrou em depressão. Ela que sempre lidou muito bem com o corpo e nunca teve problema em ficar nua. Depois da cirurgia, tudo mudou. Nem sexo Anitta fazia mais”, diz.

    Toda a história teria acontecido em seus primeiros anos da carreira. Furacão Anitta será lançado em 30 de março, dia do aniversário da protagonista da história.

    Publicidade