Time do Santos passa perrengue em hotel e técnica denuncia descaso da CBF

"Esse é o respeito que as pessoas têm com o futebol feminino no Brasil", disse Emily Lima, técnica do Santos F.C.

Por Da Redação - Atualizado em 16 jul 2019, 20h04 - Publicado em 16 jul 2019, 18h00

Na madrugada desta terça-feira, 16, Emily Lima, técnica da equipe feminina de futebol do Santos, publicou uma sequência de vídeos no Instagram denunciando o descaso da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) com os campeonatos femininos.

Reprodução/Reprodução

A esportista contou que a falta de organização e cuidado fizeram com que toda a sua equipe tivesse que dormir no saguão de um hotel em Manaus, sendo que precisariam trabalhar no dia seguinte. “Saímos de Santos às 3h (…) nós chegamos no hotel e não tem vagas pra gente. Nós vamos dormir aqui hoje, na recepção (…) Esse é o respeito que as pessoas têm com o futebol feminino no Brasil (…) Eu ainda tenho que tomar cuidado com o que falo, que a Emily é isso, é aquilo, mas essa é a realidade do futebol brasileiro para as mulheres (…) Por que será que os EUA está tão longe de nós? Fica aí meu recado”, falou.

Emily Lima continuou o desabafo nas redes sociais, contando que o pessoal encontrou um gerente de outra rede de hotéis que se sensibilizou com a história e encontrou quartos disponíveis para elas. “A gente precisa se unir, a gente precisa falar (…) Nós precisamos falar o que acontece, o que nós passamos“, finalizou a técnica, incentivando as equipes a denunciarem situações de desrespeito na modalidade feminina.

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

Assistam os vídeos com muita atenção!! Campeonato Brasileiro de futebol feminino! 👎🏻⚽️

A post shared by EMILY LIMA (@emilylima_oficial) on

Na próxima quarta-feira, 17, o Santos enfrenta o Iranduba na Arena da Amazônia pelo Brasileiro Feminino A-1.

Publicidade