Superlua Rosa desta terça-feira, 7, reforça necessidade de desacelerar

De acordo com a astrologia, uma época de menos instabilidade está prestes a começar #oremos

Por Isabella Otto - Atualizado em 27 abr 2020, 18h36 - Publicado em 7 abr 2020, 15h42

Nesta terça-feira, 7, temos o apogeu da Superlua Rosa, junção de uma Superlua e de uma Lua Cheia. A enorme bola alaranjada no céu ganhou esse nome por causa de uma plantinha chamada Phlox subulata, conhecida como musgo rosa, que floresce nessa época do ano nos Estados Unidos. No Brasil, a partir das 18h50, será possível observar esse fenômeno a olho nu. Que tal desacelerar, parar, respirar e olhar o céu? Você devia fazer isso astrologicamente falando.

Superlua Rosa
nitimongkolchai/Getty Images

Na astrologia, como já falamos aqui anteriormente, toda Lua Cheia representa um momento de parada. A Superlua Rosa, ou, em inglês, Super Pink Moon, pede que ela seja ainda mais intensa. Alguns astrólogos renomados, como é o caso da norte-americana Jessica Adams, costumam usar o termo “full stop” (“parada total”). É um momento de reflexão muito intensa, que pode ficar ainda mais acentuada por essa crise global que estamos vivendo por causa do coronavírus. Alguns de nós, obrigatoriamente, tivemos que fazer uma pausa e diminuir o ritmo. Esse fato foi mais sentido por uns do que por outros. Arianos, escorpianos e sagitarianos encaram com maior agonia essa “prisão domiciliar” em razão da quarentena e do distanciamento social. Outros signos, como os regidos pelo elemento Terra, como Touro, encaram a fase de uma forma mais tranquila. Qualquer que seja o seu signo, na noite desta terça, você, provavelmente, sentirá uma energia mais pesada.

 

Em abril, vivemos o que chamamos na astrologia de “temporada de Áries”. O novo ano astrológico acaba de começar, com o Sol brilhando novamente sobre o primeiro signo do zodíaco. É um período em que a vida te testa o tempo todo, te provoca, te tira do sério, te faz sentir toda a ira de satanáries (tá legal, a gente não é a favor desse termo, mas vale pela zoeira). A parada total é necessária, porque um novo capítulo está prestes a começar, um menos tumultuado, mais pé no chão, com o Sol sobre Touro. Será uma época de menos instabilidade.

Continua após a publicidade

Difícil acreditar nisso levando em conta o cenário atual, né? São tantas notícias ruins que sobrecarregam nossa saúde mental, nosso espírito e sugam nossas energias. É exatamente por isso que a pausa da Superlua Rosa vem bem a calhar. Ela chega para te lembrar de que desacelerar não é só importante como necessário em muitos momentos, porque, caso contrário, a gente pira mesmo. Ela também beneficia reflexões internas com relação a laços de amizade. Reserve mais tempo para você e menos para aquelas pessoas que nem durante a quarentena, um período intenso e que exige muito de nosso psicológico e da nossa união, procuram sua pessoa. Dê um tempo, mesmo.

Publicidade