Há 19 tipos de sorriso, mas apenas 6 deles são de alegria. Sabia?

Nossas expressões nem sempre mostram exatamente o que estamos sentindo.

Você abre o Instagram e vê pessoas sorrindo. Se depara com uma propaganda e as modelos estão sorrindo. Encontra seus amigos e eles te cumprimentam sorrindo. Não é à toa que o ato de sorrir é associado à felicidade. Mas a BBC americana resgatou diversos estudos para mostrar que, na verdade, existem 19 tipos de sorrisos, mas apenas 6 deles são relacionados a bons momentos – os outros, geralmente, são máscaras que as pessoas usam diante da sociedade. Te contamos quais são todos eles!

POSITIVOS
1. Sorriso Duchenne
O nome foi dado por causa de um neurologista do século XIX chamado Duchenne de Boulogne, que, infelizmente,
fez processos cruéis com alguns pacientes até que um deles resultou nesse sorriso. Curiosamente, no entanto, esse sorrisão é associado a sentimentos genuínos de prazer e euforia. Ele costuma ser largo, intenso e envolve a contração de dois músculos: um deles fica na bochecha e puxa os cantos da boca para cima; e o outro, que fica em volta dos olhos, levanta as bochechas. Dessa forma, parece que seus olhos também estão sorridentes e sua alegria fica bem explícita.

2. Sorriso refreado
Por questões históricas de etiqueta, alguns países julgavam as pessoas que sorriam com os dentes como pobres,
estúpidas ou até mesmo bêbadas. O sorriso refreado lembra o “chique” daquela época, mas hoje é aquele que você dá quando está, na verdade, tentando esconder que está feliz. As bochechas se erguem um pouco, mas os lábios ficam pressionados, como se você não pudesse sorrir naquela hora (tipo o que rola às vezes no meio da aula, sabe?). O sentimento é bom, você só tenta disfarçar. Você sabia que, no Japão, por questões culturais, ainda hoje a etiqueta dita que as emoções não sejam demonstradas em público? Por isso, o sorriso com os olhos, para eles, tem ainda mais impacto. A BBC destaca que é curioso, inclusive, a forma como eles digitam a carinha de sorriso no teclado: ao invés do tradicional :), eles usam ^_^.

3. Sorriso envergonhado
Se parece muito com o refreado e o que difere os dois, geralmente, são as bochechas vermelhas ou o leve movimento de cabeça para baixo e para a esquerda. De qualquer forma, é fácil perceber se o sorriso é refreado ou envergonhado de acordo com a situação em que a pessoa estiver envolvida naquele momento.

4. Sorriso namorador
Abra uma foto da Monalisa, de Leonardo da Vinci. É desse sorriso que estamos falando. Muitos psicólogos acreditam que o que está retratado no quadro é um sorriso namorador. Se trata de um sorriso sutil, misterioso, que geralmente vem acompanhado de uma olhadinha meio de lado. E aí fica aquele joguinho de olhar para a pessoa e virar o rosto quando ela olha para você.

5. Sorriso agradável de surpresa
Suas sobrancelhas levantam, seu queixo cai, sua pálpebra estica e então vem o sorrisão Duchenne. Acontece quando você está surpresa positivamente com algo bom. Tipo quando você encontra alguém que gosta muito e fazia tempo que não via.

6. Sorriso agradável de emoção
O nome já diz tudo: você está realmente gostando do que acontece e o sorriso é sincero, como o Duchenne, mas acompanhado das pálpebras levantadas!

NEGATIVOS
7. Sorriso de medo
De acordo com a BBC, ele foi herdado, provavelmente, dos chimpanzés bonobos. Quando eles estão com medo, mostram os dentes e puxam os lábios para trás, até mostrar a gengiva. De acordo com estudos de Darwin, isso rola para que todos os dentes fiquem à mostra como uma prova de que eles não vão morder. Nos humanos, o sorriso de medo tem o mesmo formato. Às vezes, até parece que é uma risada, mas se você reparar bem no resto da expressão corporal da pessoa, dá para notar que ela claramente está nervosa com a situação.

8. Sorriso miserável
Como o próprio nome diz, esse não é um sorriso feliz. Alguns psicólogos o associam a uma forma socialmente aceitável de mostrar que você está triste ou com dor – bem comum em pessoas com depressão. Esse sorriso é meio fraco, desanimado, assimétrico e completa uma expressão de muita tristeza. A BBC conta que pesquisadores da Universidade do Estado de São Francisco perceberam que esse hábito meio intuitivo não é algo que se aprende, mas que está programado no DNA dos humanos.

9. Sorriso qualificador
É exatamente esse o sorriso que as pessoas costumam mostrar quando têm que dar alguma notícia não muito agradável para dar. Ele, inclusive, deixa o clima meio tenso. Basicamente, o lábio inferior levanta um pouquinho e há um breve aceno de cabeça, como se você “sentisse muito”.

10. Sorriso de conformidade
Em termos de aparência, é muito parecido com o anterior. Só que quem dá esse sorriso geralmente é a pessoa que recebe o sorriso qualificador. É meio que uma resposta mostrando que você está tentando se conformar com a má notícia que acabaram de te dar.

11. Sorriso de resposta coordenado
Mais uma variação do sorriso qualificador. O que muda é o movimento de cabeça, que mexe para cima e para baixo,
mostrando que você está concordando com alguma coisa.

12. Sorriso de resposta ouvinte
A expressão aqui também é a mesma do qualificador, só que ela costuma acompanhar o famoso “uhum” que você diz quando quer mostrar que está prestando atenção no que está sendo dito.

13. Sorriso de desprezo
Ele até parece um sorriso de encantamento, mas não se engane! Ele indica um pouco de desgosto e ressentimento, como se você estivesse julgando alguém. Mas como nesses momentos você não quer deixar transparecer, acaba dando aquele sorriso bonito, mostrando os dentes. A questão é que a boca não se curva tanto para cima e os cantos dela tendem a ficar meio apertadinhos.

14. Sorriso mau
A palavra alemã schadenfreude resume muito bem esse sorriso: sentimento de prazer ou satisfação ao ver algo ruim
acontecendo com outra pessoa. Trazendo para o português claro, seria rir da desgraça alheia. Só que como isso é muito feio, as pessoas tentam esconder e dão aquele sorriso meio macabro e congelado, como se estivessem irritadas. Pense nos vilões de filmes de terror que você vai saber bem como é esse sorriso.

15. Sorriso agradável de desprezo
O nome é esquisito, mas é porque rola uma mistura. Você tenta suprimir o sorriso e ele acaba saindo meio de lado, um canto da boca ou, às vezes, os dois.

16. Sorriso agradável de medo
Mais uma mistura, só que o sorriso fica escondido por meio dos lábios, que ficam apertados um contra o outro formando uma linha horizontal (sem mostrar os dentes).

17. Sorriso agradável de tristeza
O último sorriso que mistura duas emoções é esse. Você quer sorrir e, na tentativa de reprimir o ato, puxa os lábios para baixo e parece estar triste.

18. Sorriso falso 
Ele é igual ao sorriso Duchenne, só que fingido. Mas as pessoas tendem a dar tanto esse tipo de sorriso durante a vida que ele costuma ser bem convincente. Para diferenciar, você tem que prestar atenção na situação toda. Se ele for muito abrupto ou persistente, por exemplo, pode ser que não seja verdadeiro. E geralmente ele não vem de forma tão natural no momento certo, como o legítimo sorriso Duchenne.

19. Sorriso de Chaplin
O sorriso de Chaplin é bem irônico. Os lábios são bem puxados para cima, sem mostrar os dentes, que os olhos até se esticam um pouco – é como se você estivesse zombando do próprio ato de sorrir.

Ufa! Você tinha noção de que existia tanto nome de sorriso no mundo?!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s