Garotinha publica livro e mostra que negras podem ser princesas

E ela ainda passou uma mensagem superfofa: 'Eu quero que você saiba que tem uma coroa'.

Por Marcela Bonafé - Atualizado em 14 nov 2017, 10h34 - Publicado em 28 jul 2016, 15h00

Muitas meninas, quando crianças, são apelidadas de princesas por seus pais. E era assim que um americano se referia à sua filha, Morgan Taylor, até que um dia ela deu uma resposta inesperada: “Eu amo quando você me chama de princesa, mas eu sei que não sou uma realmente. Princesas de verdade são brancas e eu não posso mesmo ser uma princesa“, de acordo com o site Today.

Surpreso com o que Morgan disse (tendo apenas 6 anos de idade), G. Todd resolveu mostrar para ela a animação A Princesa e o Sapo, da Disney, que tem uma negra como protagonista. Ao contrário do que esperava, a situação só piorou. “Na maior parte do filme a princesa Tiana é um sapo. Estão tentando me encorajar a ser uma princesa e é como se estivessem me dizendo que sou um sapo“, falou a garotinha. 

Foi então que ele teve a ideia de, junto da filha, começar a procurar princesas e rainhas negras que existem pelo mundo. Eles encontraram várias, como a Princesa Elizabeth, de Toro, e a Rainha Peggy, de Gana. Com as pesquisas, eles descobriram muitas histórias inpiradoras acharam que seria legal contá-las para outras garotas e, assim, fazê-las acreditar que podem, sim, ser princesas também – independente da raça.

Continua após a publicidade

A partir daí, Morgan e seu pai começaram a escrever o livro Daddy’s Little Princess (“A Princesinha do Papai”), que conta uma história parecida com a dela: uma menininha que achava que não podia ser princesa porque era negra, mas acaba conhecendo muitas princesas e rainhas negras. Agora com 7 anos, a garotinha espera inspirar outras meninas que se sentem como ela.

Durante uma entrevista ao Today, G. Todd destacou que acha muito importante que os pais percebam que precisamos ter imagens de princesas de todas os tons de pele Afinal, qualquer uma pode ser uma princesa, né?! E a Morgan concorda: “Eu quero que você saiba que tem uma coroa e eu quero que você arrase”, ela fala sobre o livro – que já está à venda nos Estados Unidos por $9,99 (cerca de R$33).

Muuuuito fofa, né?! O que você achou da iniciativa dela e do pai?

Publicidade