Estudante cala Assembleia: ‘Nossa única bandeira é a educação!’

Ana Julia faz discurso emocionante sobre ocupações escolares, representa todos os alunos e cala parlamentares que dizem que movimento é bagunça.

Por Marcela Bonafé - 27 out 2016, 13h53

No último mês, foi anunciada uma Medida Provisória, assinada pelo presidente Michel Temer, que visa a reformulação do ensino médio brasileiro. A principal mudança prevista na MP é a flexibilização da grade curricular, que fará com que algumas disciplinas passem a ser facultativas, como artes e educação física. Um movimento de ocupação contra a medida começou no dia 3 de outubro, no Paraná, e até o momento já se espalhou para mais 21 estados.

Durante uma sessão parlamentar que aconteceu na tarde da última quarta-feira, 26, em Curitiba, Ademar Traiano, presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, permitiu que estudantes estivessem presentes para expressarem suas opiniões. Ana Júlia, de 16 anos, subiu ao palanque como uma representante do movimento para discursar diante dos deputados sobre a legitimidade das ocupações.

ana-julia

“Nós não estamos lá de brincadeira. Nós sabemos pelo que estamos lutando. A nossa única bandeira é a educação, somos um movimento apartidário, somos um movimento dos estudantes para os estudantes“, ela declarou. “Nós, estudantes, que estamos nas escolas, não somos vagabundos com dizem aqui, como a sociedade lá fora diz. Nós estamos lá por ideais, nós lutamos por eles, nós acreditamos neles”.

Continua após a publicidade

Além da Medida Provisória, Ana Júlia ainda afirmou que as ocupações também são contra o programa Escola Sem Partido, que busca restringir as opiniões políticas em sala de aula, e a PEC 241, que será votada no Senado e, se aprovada, limitará os gastos públicos nos próximos 20 anos. Confira o discurso completo:

O que você achou do pronunciamento da Ana Júlia? E quais são as suas opiniões sobre a Medida Provisória? Conte para a gente nos comentários!

Publicidade