5 livros que falam sobre o amor (de um jeito único) para ler em 2016

De todas as formas, em todas as épocas, de todos os jeitos.

Ler é fazer uma viagem sem, necessariamente, sair de casa. É conhecer lugares novos, viver em épocas diferentes, fazer novos melhores amigos. E se tem alguma coisa que é universal, essa coisa é o amor . Não tem jeito! Mas ele não segue uma lógica. Não tem regras. Ele é livre. Mas a forma como nós amamos hoje não é igual à forma como nossos avós amavam. Existem diferentes tipos de amor, existem diferentes formas de amar, e esses cinco livros, apesar de terem o amor como tema central, mostram exatamente isso.

#1. A Última Carta de Amor, de Jojo Moyes

Hoje, uma mulher se separar do marido não é o fim do mundo. Antigamente, entretanto, isso era motivo de vergonha. As mulheres, muitas vezes, ficavam presas em um relacionamento nada saudável por medo de envergonhar a família, os amigos, e ficar mal falada. Jennifer, protagonista da história, mostra exatamente o quão angustiante era viver nessa realidade. Ela, nos anos 60, se apaixona por outro homem, Boot, e começa a trocar cartas com ele, enquanto seu marido a trata como se ela fosse descartável. A beleza da história está em justamente compreender o lado da Jen, as angústias que ela sente, os medos, as dúvidas . É uma viagem no tempo, literalmente. Uma viagem pela história dos relacionamentos ao longo dos anos. No final, você se questiona por que será que as pessoas não demonstram mais seus sentimentos de uma forma tão intensa quanto demonstravam quando cartas ainda existiam…

#2. Eu Não Sei Nada Sobre o Amor, de Bruna Vieira

Ao contrário da obra de Jojo Moyes, o livro especial da Bruna Vieira para a CAPRICHO retrata justamente o amor nos tempos modernos. O primeiro amor, o primeiro beijo, o primeiro coração partido… Na adolescência, tudo é muito intenso. Nós mergulhamos de cabeça em relacionamentos que, muitas vezes, só existem em nossas cabeças. É incrível você ler o livro anterior e depois se perder nos textos da Bruna. O Depois dos Quinze de hoje é muuuuito diferente do Depois dos Quinze de 40, 50 anos atrás. E olha que nem estamos falando de uma época tão distante assim, viu? O contraste é encantador!

#3. Pra Lá do Fim do Mundo, de Larry McMurtry

Muito mais do que uma história de amor entre um homem e uma mulher, o livro de McMurtry retrata diferentes tipos de paixões: pelos amigos, pelo trabalho, pela vida . Afinal, é possível apaixonar-se diariamente por quem somos e pelo que fazemos; não é preciso se apaixonar por um crush essencialmente. A trama se passa no Velho-Oeste e conta a história de Gus McCrae, um durão pistoleiro que enxerga a beleza da vida até nos momentos mais complicados. Woodrow F. Call é o seu melhor amigo e Lorena Wood é a sua paixão quase proibida. O livro é grosso, tem mais de 600 páginas, mas você vai lê-lo em poucos dias.

#4. A Arte de Ser Normal, de Lisa Williamson

Toda forma de amor é justa. David Piper e Leo Denton vão te provar isso de uma maneira lindíssima, simples, livre de julgamentos. O livro de Lisa é uma verdadeira lição de aceitação e respeito ao próximo. Em 2012, a autora trabalhou no Gender Identity Development Servic e, em Londres, ajudando jovens a lidar com a questão de identidade de gênero. A experiência a inspirou a escrever o livro, que conta a história de um adolescente transgênero . Sem mais spoiler s, vale muitíssimo a pena a leitura. É belo. É mágico. É uma verdadeira aula.

#5. Amy & Matthew, de Cammie McGovern

Talvez, uma das formas de amor mais puras seja aquela de melhor amigo – depois do amor de pai e mãe, é claro. Seja o seu bff menino ou menina. Você divide os seus dramas com ele, suas angústias, seus sonhos, suas vontades, seus medos, suas aflições e inseguranças. A amizade de Amy e Matthew começou de uma forma bastante curiosa: ela o contratou para ser seu amigo, já que por conta de sua paralisia cerebral, ninguém se aproximava muito dela. É daí que surge uma linda amizade, que se confunde com algo mais . Amor de melhor amigo? Não poderíamos deixá-lo de lado! 😉

E você, já leu algum desses livros? Indica mais alguma obra que fale sobre o amor de um jeito único?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s